Archive for the ‘MISSAS’ Category

VIDEO DE CARDEAL ARINZE SOBRE A SANTA MISSA

junho 27, 2012

“Se você quer admirar uma dança, sabe aonde ir… Mas não na Missa!” (Cardeal Arinze)

PE.JOÃO BATISTA EM MISSÃO NO HAITI

março 5, 2010

 

“LAVS DEO!”
 
 
Caríssimos irmãos:
 
GRAÇAS A DEUS tudo na santa paz aqui no Haiti.
Envio-lhes algumas fotos de uma de nossas S. Missas aqui no Haiti, que um capitão fez e me passou depois.
Qualquer novidade estarei informando-vos.
Pedindo vossas orações e bênçãos!
 
Unidos em oração em JESUS e MARIA!
 
Com minha bênção sacerdotal!
 
Pe. João Batista
 
                                   “DEVS BONVS!”

Wed, 3 Mar 2010 13:53:52

PADRE PIO, SUA ULTIMA MISSA

setembro 24, 2009

Enardecido por el amor a Dios y al prójimo, Padre Pío vivió en plenitud la vocación de colaborar en la redención del hombre mediante la dirección espiritual de los fieles, la confesión y la celebración de la Eucaristía. El momento cumbre de su actividad apostólica era aquél en el que celebraba la Santa Misa. Los fieles que participaban en la misma percibían la altura y profundidad de su espiritualidad.- iglesia católica – catholic church saints

 

Benedizione in audio originale di San Pio da Pietrelcina

 

Eucharistic Miracle

Padre João Batista capela S.T. de AQUINO

setembro 23, 2009

Pe. João Batista da ordem dos Santos anjos, capelão militar

 da abençoada capela São Tomás de Aquino, dentro da

 Escola Preparatória de Cadetes do Exército em Campinas-SP.

O Padre utiliza de  um genuflexório para a comunhão

 e o “arranjo beneditino” (com seis velas e o crucifixo

na frente do altar, que é a maneira de se celebrar

 ao mesmo tempo “coram Deo” e “versus populum”,

 aventada pelo Santo Padre Bento XVI e seu MC Guido Marini).

 

Aconteceu comigo:

Durante esses dois últimos meses ,agosto e setembro de 2009 

em minhas orações matinais, no meu altar particular, rezava como

de costume , quando um certo dia pedia SÃO TOMAS DE AQUINO,

 eu nem tenho a imagem dele e nunca havia rezado pedindo

 sua intercessão.

Fiquei com isso na cabeça e pensei em pesquisar sobre o

Santo na internet.

Quando uma querida amiga Renata Pinheiro, me convidou

 para assistir a Santa Missa na Capela com um padre abençoado.

Aceitei o convite e durante a missa, comecei a sentir um calor

 imenso dentro de mim pensei em estar passando mal , então

  perguntei a Renata, como chama essa capela?

Ela me respondeu SÃO TOMÁS DE AQUINO!!!

Eu quase desmaiei de tanta emoção.

Nesse mesmo dia encontrei uma amiga a Clara, na capela, 

que já havia me convidado a anos atrás para ir com ela

 conhecer o padre João Batista, por ele ser tradicionalista,

dar comunhão de joelhos e na boca , e eu como é publico

só comungo dessa maneira. Mas, com outras tarefas em outras

paróquias acabei deixando passar.

Como nada é por acaso, até porque minha irmã se casou nessa

 capela,tenho certeza que recebi um aviso Divino para estar lá.

Conheci o padre, conversamos e contei o que havia acontecido ,

 e ele me disse era para você estar aqui mesmo.

Padre João Batista , é uma pessoa maravilhosa, um ser

humano abençoado, quando nos abraça  parece que

 estamos flutuando e cheios de amor de DEUS.

Faz uma consagração que eu nunca em minha vida tinha visto antes.

Peço a Deus pelo clero, e que os padres sejam totalmente

 convertidos, pois hoje em dia tem padre não deixando nem

 os ministros se ajoelharem na consagração.

Parabéns padre João Batista, que as vossas suplicas sejam um

 suave incenso junto a DEUS PAI todo poderoso.

Grace Coutinho

 

Endereço: Av. Papa Pio XII, 350, Jardim Chapadão, Campinas-SP

Missas todas as quartas feiras, as 19 horas,

todas as quintas feiras as 19 hrs e depois ADORAÇAO AO SANTISSIMO

Sábados as 18:30 hs e Domingos 10 hs e 19 hs

Ultima quarta feira do mes missa as 19 hs e depois unção dos enfermos

 Toda primeira sexta feira do mes missa as 19 horas

 

SANTA FILOMENA -PADROEIRA DO ROSÁRIO PERMANENTE

janeiro 20, 2009

Santa Filomena era filha de pais nobres e foi pretendida pelo Imperador Romano Dioclesiano, quando ainda muito jovem, para ser sua esposa; por causa de sua beleza. Como recusasse sua mão, porque havia eleito o próprio Senhor, o tirano ordenou, primeiramente, que a colocassem num cárcere e a flagelassem sangrentamente. Tendo sarado miraculosamente deste suplício, foi ordenado que ela fosse lançada ao rio Tibre com uma âncora amarrada ao pescoço.

E como a correnteza a levasse até a margem do rio, mandou Dioclesiano que a ferissem com flechadas. Com o corpo todo ferido pelas flechas, a jovem foi lançada novamente no cárcere. Entretanto, no dia seguinte, Filomena foi encontrada com o corpo sadio e sem qualquer marca de ferimento. O cruel tirano ordenou, então, que a ferissem com flechas em chamas. Estas, porém, voltaram-se contra os arqueiros, matando a muitos. Por fim, foi a heróica jovem decapitada, por ordem do Imperador.

No dia 25 de maio de 1802, os ossos de uma mulher entre treze e quinze anos foi descoberto no cemitério de Santa Priscila, nas escavações das catacumbas em Roma. Uma inscrição próxima ao túmulo dizia “A paz seja contigo, Filomena”, junto com inscrições de uma âncora, três flechas e uma palma. Próximo aos ossos foi descoberto um vaso de vidro com um depósito de sangue ressequido. Por ser costume dos primeiros mártires deixar símbolos e sinais como estes, foi facilmente determinado que Santa Filomena havia sido uma virgem mártir.

No reinado do Papa Pio VII, quando foram encontradas essas relíquias, o padre Francisco de Lúcia, da cidade de Mugnano dele Cardinale (Itália), desejou levar as relíquias de um santo para sua paróquia e foi à Santa Sé em Roma para solicitá-las.

Quando estava na Capela do Tesouro (onde ficavam as sagradas relíquias), dentre tantas apenas três possuíam nomes: um adulto, uma criança e Santa Filomena. Quando ajoelhou-se diante das relíquias de Santa Filomena, sentiu-se possuído de uma alegria espiritual jamais experimentada. Sentiu também um incontrolável desejo de levar aquelas Sagradas Relíquias para sua igreja em Mugnano.

Terminada essa visita, dirigiu-se ao Sr. Bispo de Potenza e ficou sabendo então que precisaria de uma graça muito especial, ou talvez um milagre. Não havia precedentes de a Santa Sé haver confiado tão preciosos tesouros à guarda de um simples sacerdote. E nesse caso seria praticamente impossível, por se tratar das relíquias de uma virgem mártir cujo nome era conhecido.

Tendo caído gravemente enfermo, padre Francisco recoreu ao auxílio de Santa Filomena, prometendo tomá-la como especial Padroeira e levar suas relíquias para Mugnano, caso obtivesse autorização para tanto. Curado milagrosamente, retornou então à Santa Sé narrando a graça alcançada e obteve o pedido, levando triunfalmente as relíquias para sua paróquia. Assim que lá chegou começaram a acontecer tantos milagres que ia gente de toda a Itália e Europa a pedir e agradecer graças alcançadas.

Sua popularidade logo se espalhou, sendo seus mais memoráveis devotos São João Vianney, Santa Madalena Sofia Barat, São Pedro Eymard, e São Pedro Chanel.

Em 1802 foram encontrados nas catacumbas os seus restos mortais, que em 1805 foram levados para Mugnano onde Deus, por maravilhosos sinais, providenciou que fossem honrados de tal modo que, desde então, Santa Filomena fosse venerada pelo povo fiel.

Oração diária

Grande Taumaturga do Século XIX
Padroeira do Rosário Vivo
Padroeira dos Filhos de Maria
– festa: 10 de agosto –

Virgem fiel e iustre Mártir Santa Filomena, rejubilo-me com a vossa glória, e exulto de alegria ao ver quanto Deus vos glorificou, principalmente com os milagres em favor dos pobrezinhos e das almas simples. Rogo à divina Majestade que se digne fazer conhecer sempre mais o vosso nome, manifestar o vosso poder, e multiplicar os vossos servos.

Ó boa e cara Santa Filomena, eis-me a vossos pés, cheio de misérias, mas cheio também de confiança; volto-me para a vossa caridade: abençoai-me, assisti-me em todas as necessidades, não me abandoneis jamais.

Oh! grande e amável Santa, protegei-me contra os inimigos da minha salvação, e rogai sempre ao Senhor Jesus, a fim de que Ele me conceda a graça de servi-lo neste mundo e possuí-lo depois na eternidade. Assim seja.

Pai Nosso… Ave Maria…
Santa Filomena, rogai por nós!
(3 vezes)

Saudação a Santa Filomena

Saúdo-vos, Filomena, Virgem e Mártir de Jesus Cristo, e peço-vos oreis a Deus pelos justos, para que se conservem em sua justiça e cresçam diariamente de virtude em virtude.
Creio em Deus Pai…

Saúdo-vos, Filomena, Virgem e Mártir de Jesus Cristo, e peço-vos oreis a Deus pelos pecadores, para que se convertam e vivam a vida da graça.
Creio em Deus Pai…

Saúdo-vos, Filomena, Virgem e Mártir de Jesus Cristo, e peço-vos oreis a Deus pelos heréticos e infiéis, para que venham à verdadeira Igreja e sirvam ao Senhor em espírito e verdade.
Creio em Deus Pai…

Glória ao Pai… (3 vezes, à Santíssima Trindade, em ação de graças pelos favores concedidos a tão ilustre Virgem Mártir heroína do Evangelho)

Uma Salve Rainha (à Virgem das Dores, para agradecer-lhe a suprema fortaleza que lhe alcançou nos seus múltiplos e cruéis martírios).

 

O Cordão de Santa Filomena

São João Batista Maria Vianney, o Cura d’Ars, foi o maior difusor do uso do Cordão de Santa Filomena. O Papa Leão XIII aprovou o uso do Cordão em 1893 e concedeu indulgências a todos os que o usarem e rezarem esta oração:

Ó Santa Filomena, Virgem e Mártir, rogai por nós para que, por meio de vossa poderosa intercessão, possamos obter a pureza de alma e de coração, que conduz ao perfeito amor de Deus.

Para lucrar as indulgências plenárias com o Cordão é preciso confessar-se, comungar, e visitar alguma igreja ou um doente, rezando pelas intenções do Papa.

Qualquer pessoa pode fazer o Cordão de Santa Filomena, que deve ser feito (crochê) com fios de linho ou lã ou de algodão. Pode-se comprar novelos já entrelaçados. Em suas extremidades, de um lado, o Cordão tem dois nós, e na outra 3 nós, simbolizando a Santíssima Trindade e as Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo. Os fios devem ter quantidades mais ou menos iguais em cores branco e vermelho. O branco simboliza a virgindade de Santa Filomena, e o vermelho seu martírio.

A faculdade para benzer os cordões de Santa Filomena foi dada aos Padres de São Vicente de Paulo, mas atualmente qualquer padre pode benzê-lo validamente. A oração oficial da bênção do Cordão é:

S- “Senhor Jesus, concedei que todos os que usem este cordão mereçam ser preservados de qualquer perigo e recebam a saúde da alma e do corpo.”

O cordão deve ser usado na cintura, sob a roupa, e se possível não ser retirado. Se não for possível usá-lo na cintura, pode-se usá-lo no braço ou na perna.


O Óleo de Santa Filomena

Esse óleo milagroso é retirado de qualquer lamparina que esteja iluminando uma imagem ou estampa de Santa Filomena, para passar no local da enfermidade.

LADAINHA DE SANTA FILOMENA

(composta pelo Cura d’Ars, São João Batista Maria Vianney)

Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.

Pai Celeste, que sois Deus, tende piedade de nós.
Filho de Deus, Redentor do Mundo, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.

Santa Maria, Rainha das Virgens, rogai por nós.

Santa Filomena, cheia de abundantes graças desde o berço, rogai por nós.
Santa Filomena, fiel imitadora de Maria, rogai por nós.
Santa Filomena, modelo das Virgens, rogai por nós.
Santa Filomena, templo da perfeita humildade, rogai por nós.
Santa Filomena, abrasada no zelo da glória de Deus, rogai por nós.
Santa Filomena, vítima do amor de Jesus, rogai por nós.
Santa Filomena, exemplo de força e de perseverança, rogai por nós.
Santa Filomena, espelho das mais heróicas virtudes, rogai por nós.
Santa Filomena, firme e intrépida em face dos tormentos, rogai por nós.
Santa Filomena, flagelada como o vosso Divino Esposo, rogai por nós.
Santa Filomena, que preferistes as humilhações da morte aos esplendores do trono, rogai por nós.
Santa Filomena, que convertestes as testemunhas do vosso martírio, rogai por nós.
Santa Filomena, que cansastes o furor dos algozes, rogai por nós.
Santa Filomena, protetora dos inocentes, rogai por nós.
Santa Filomena, padroeira da juventude, rogai por nós.
Santa Filomena, asilo dos desgraçados, rogai por nós.
Santa Filomena, saúde dos doentes e enfermos, rogai por nós.
Santa Filomena, nova luz da Igreja peregrinante, rogai por nós.
Santa Filomena, que confundia a impiedade do século, rogai por nós.
Santa Filomena, cujo nome é glorioso no Céu e formidável para o inferno, rogai por nós.
Santa Filomena, ilustre pelos mais esplêndidos milagres, rogai por nós.
Santa Filomena, poderosa junto de Deus, rogai por nós.
Santa Filomena, que reinais na glória, rogai por nós.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

Rogai por nós, Santa Filomena,
para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oração
Nós Vos suplicamos, Senhor, que nos concedais o perdão dos nossos pecados pela interecessão de Santa Filomena, Virgem Mártir, que foi sempre agradável aos vossos olhos pela sua eminente castidade e exercício de todas as virtudes.

Santa Filomena, rogai por nós. (3 vezes)

COROINHA DE SANTA FILOMENA

A Coroinha de Santa Filomena é um pequeno rosário formado por contas brancas e vermelhas. Reza-se assim:

1 Credo… (na medalha)
3 Pai-Nossos (nas contas brancas) em honra da Santíssima Trindade, por cuja glória Santa Filomena deu a vida.
13 Ave-Marias (nas contas vermelhas) em louvor dos 13 anos em que viveu na terra a Virgem Mártir.
A cada Ave-Maria acrescenta-se a jaculatória:

Santa Filomena, pelo sangue que derramastes por amor a Jesus Cristo, alcançai-me a graça que vos peço.

ou:

Santa Filomena, pelo Vosso amor por Jesus e Maria, rogai por nós.

Termina-se a coroinha na medalha triangular, com uma oração a Santa Filomena:

Ó gloriosa Princesa da Corte Celestial, Santa Filomena, prostrado diante de vós, rememorando as vossas virtudes e prodígios, minha alma engrandece ao Senhor que operou em vós tamanha maravilha de santidade.
Querida Protetora, vinde em meu auxílio para conduzir-me pelos caminhos da virtude, para ser minha fortaleza em face do inimigo infernal, para me trazer do Coração de Jesus a riqueza dos auxílios divinos que são pra este devoto a saúde, a paz do coração, a solução de minhas dificuldades, o bem-estar de minha família e o consolo em toda tribulação.
Milagrosa Santa Filomena, em Vós confio! Amém.

(também se reza a Ladainha e uma Salve Rainha)

Aprovada
+ Delfim, Bispo Diocesano
Leopoldina, 8-3-1960

FONTE: http://rosariopermanente.leiame.net/devocoes/stafilomena/stafilomena-oracoes.html

 

SANTA FILOMENA TODO DIA 10 DE CADA MES AS 17 HORAS EM CAMPINAS SP
Já em dezembro de 2011 a SANTA MISSA EM LOUVOUR A SANTA FILOMENA
será realizada na Paróquia SÃO CHARBEL.
 

Local:Paróquia São Charbel em Campinas
Pároco: SLEIMAN EID  OLM, Pe. SALOMÃO

Av. José Bonifácio, 1428 – Jardim Flamboyant

Campinas – SP

 

As 15 horas temos no mesmo dia o grupo de oração:
terço da ROSA MYSTICA e SANTAS CHAGAS DE JESUS CRISTO e CORAÇÃO ACOLHEDOR DE JESUS.
Após o grupo as 17 horas MISSA EM LOUVOR A SANTA FILOMENA.
 
Nas missas são distribuídos os cordãos, orações, bem como é realizada a benção do óleo.
Paróquia Nossa Senhora da Cabeça
Rua Tabatinguera, 104 (perto da Catedral da Sé)
Missas dia 10 às 16h30, com distribuição de cordões, novenas e óleo bento
» Quando dia 10 é domingo, a missa é celebrada na igreja Nossa Senhora do Carmo
Igreja São Marcos
Rua Itá, s/nº – Pedra Branca (próximo ao Horto Florestal)- zona norte de São Paulo
fone: (011) 2231-2328
Fazem a devoção a Santa Filomena todo dia 10; quando cai durante a semana, às 19h30 e quando cai aos domingos, às 8 horas.
Paróquia Nossa Senhora Aparecida e São Matias
Rua Saint Gall, 412 – Lauzane Paulista (próximo ao Supermercado Bergamais) – zona norte de São Paulo
fone: (011) 2231-1793
Fazem a devoção a Santa Filomena todo dia 10, às 19 horas.