Archive for the ‘ARTIGOS’ Category

SÃO FRANCISCO DE ASSIS 04 DE OUTUBRO

outubro 4, 2015

francisco29

São Francisco de Assis nasceu em Assis, Itália, em 1182. Era filho de Pedro Bernardone, um rico comerciante, e Pia, de família nobre da Provença. Na juventude, Francisco era muito rico e esbanjava dinheiro com ostentações. Porém, os negócios de seu pai não lhe despertaram interesse, muito menos os estudos. O que ele queria mesmo era se divertir. Porém, São Boaventura, seu contemporâneo, escreveu sobre ele: “Mas, com o auxílio divino, jamais se deixou levar pelo ardor das paixões que dominavam os jovens de sua companhia”.

Vida de São Francisco

Na juventude de Francisco, por volta de seus vinte anos, uma guerra começou entre as cidades italianas chamadas Perugia e Assis. Ele queria combater em Espoleto, entre Assis e Roma, mas caiu enfermo. Durante a doença, Francisco ouviu uma voz sobrenatural. Esta lhe pedia para ele “servir ao amor e ao Servo”. Pouco a pouco, com muita oração, Francisco sentiu em seu coração a necessidade de vender seus bens e “comprar a pérola preciosa” sobre a qual ele lera no Evangelho.

Certa vez, ao encontrar um leproso, apesar da repulsa natural, venceu sua vontade e beijou o doente. Foi um gesto movido pelo Espírito Santo. A partir desse momento, ele passou a fazer visitas e a servir aos doentes que sem encontravam nos hospitais. Aos pobres, presenteava com suas próprias roupas e também com o dinheiro que tivesse no momento.

O Chamado

Num dia simples, mas muito especial, num momento em que Francisco rezava sozinho na Igreja de São Damião, em Assis, ele sentiu que o crucifixo falava com ele, repetindo por três vezes a frase que ficou famosa: “Francisco, repara minha casa, pois olhas que está em ruínas”. O santo vendeu tudo o que tinha e levou o dinheiro ao padre da Igreja de São Damião, e pediu permissão para viver com ele. Francisco tinha vinte e cinco anos.

Pedro Bernardone, ao saber o que seu filho tinha feito, foi busca-lo indignado, levou-o para casa, bateu nele e acorrentou-o pelos pés. A mãe, porém, o libertou na ausência do marido, e o jovem retornou a São Damião. Seu pai foi de novo buscá-lo. Mandou que ele voltasse para casa ou que renunciasse à sua herança. Francisco então renunciou a toda a herança e disse: “As roupas que levo pertencem também a meu pai, tenho que devolvê-las”. Em seguida se desnudou e entregou suas roupas a seu pai, dizendo-lhe: “Até agora tu tem sido meu pai na terra, mas agora poderei dizer: ‘Pai nosso, que estais nos céus”.

Renúncia de São Francisco de Assis

Para reparar a Igreja de São Damião, Francisco pedia esmola em Assis. Terminado esse trabalho, começou reformar a Igreja de São Pedro. Depois, ele retirou-se para morar numa capela com o nome de Porciúncula. Ela fazia parte daabadia de Monte Subasio, cuidada pelos beneditinos. Ali o céu lhe mostrou o que realmente esperava dele.

O trecho do Evangelho da Missa daquele dia dizia: “Ide a pregar, dizendo: o Reino de Deus tinha chegado. Dai gratuitamente o que haveis recebido gratuitamente. Não possuas ouro, nem duas túnicas, nem sandálias…” A estas palavras, Francisco tirou suas sandálias, seu cinturão e ficou somente com a túnica.

Milagres de São Francisco de Assis

Deus lhe concedeu o dom da profecia e o dos milagres. Quando Francisco pedia esmolascom o fim de restaurar a Igreja de São Damião, ele dizia: “Um dia haverá ali um convento de religiosas, em cujo nome se glorificará o Senhor e a Igreja”. A profecia se confirmou cinco depois com Santa Clara e suas religiosas. Ao curar, com um beijo, o câncer que havia desfigurado o rosto de um homem, São Boaventura comentou para São Francisco de Assis: “Não se há que admirar mais o beijo do que o milagre?”

Fundação da Ordem dos Frades Menores (O.F.M.)

Francisco começou a anunciar a verdade, no ardor do Espírito de Cristo. Convidou outros a se associarem a ele na busca da perfeita santidade, insistindo para que levassem uma vida de penitência. Alguns começaram a praticar a penitência e em seguida se associaram a ele, partilhando a mesma vida. O humilde São Francisco de Assis decidiu que eles se chamariam Frades Menores.

Surgiram assim os primeiros 12 discípulos que, segundo registram alguns documentos, “foram homens de tão grande santidade que, desde os Apóstolos até hoje, não viu o mundo homens tão maravilhosos e santos”. O próprio Francisco disse em testamento: “Aqueles que vinham abraçar esta vida, distribuíam aos pobres tudo o que tinham. Contentavam-se só com uma túnica, uma corda e um par de calções, e não queriam mais nada”. Os novos apóstolos reuniram-se em torno da pequena igreja da Porciúncula, ou Santa Maria dos Anjos, que passou a ser o berço da Ordem.

A nova ordem religiosa de São Fracisco de Assis

Em 1210, quando o grupo contava com doze membros, São Francisco de Assis redigiu uma regra pequena e informal. Esta regra era, na sua maioria, os conselhos de Jesus para que possamos alcançar a perfeição. Com ela foram à Roma apresentá-la ao Sumo Pontífice. Lá, porém,relutavam em aprovar a nova comunidade. Eles achavam que o ideal de Francisco eramuito rígidoa respeito da pobreza. Por fim, porém, um cardeal afirmou: “Não podemos proibir que vivam como Cristo mandou no Evangelho”.

Receberam a aprovação e voltaram a Assis, vivendo na pobreza, em oração, em santa alegria e grande fraternidade, junto a Igreja da Porciúncula. Mais tarde, Inocêncio III mandou chamar São Francisco de Assis e aprovou a regra verbalmente. Logo em seguida o papa impôs a eles o corte dos cabelos, e lhes enviou em missão de pregarem a penitência.

São Francisco de Assis, um exemplo de vida

São Francisco de Assis manifestava seu amor a Deus por uma alegria imensa, que se expressava muitas vezes em cânticos ardorosos. A quem lhe perguntava qual a razão de tal alegria, respondia que “ela deriva da pureza do coração e da constância na oração”.

A santidade de São Francisco de Assis lhe angariou muitos discípulos e atraiu também uma jovem, filha do Conde de SassoRosso, Clara, de 17 anos. Desde o momento em que o ouviu pregar, compreendeu que a vida que ele indicava era a que Deus queria para ela. Francisco tornou-se seu guia e pai espiritual. Nascia assim a Ordem Segunda dos Franciscanos, a das Clarissas. Depois, Inês, irmã de Clara, a seguia no claustro; mais tarde uma terceira, Beatriz se juntou a elas.

Sabedoria divina

Certa vez, São Francisco de Assis, sentindo-se fortemente tentado pela impureza, deitou-se sem roupas sobre a neve. Outra vez, num momento de tentação ainda mais violenta, ele rolou sobre espinhos para não pecar e vencer suas inclinações carnais.

Sua humildade não consistia simplesmente no desprezo sentimental de si mesmo, mas na convicção de que “ante os olhos de Deus o homem vale pelo que é e não mais”. Considerando-se indigno do sacerdócio, São Francisco de Assis apenas chegou a receber o diaconato. Detestava de todo coração o exibicionismo.

Uma vez contaram-lhe que um dos irmãos amava tanto o silêncio que até quando ia se confessar, fazia-o por sinais. São Francisco respondeu desgostoso:”Isso não procede do Espírito de Deus, mas sim do demônio; é uma tentação e não um ato de virtude”. Francisco tinha o dom da sabedoria. Certa vez, um frade lhe pediu permissão para estudar. Francisco respondeu que, se o frade repetisse com amor e devoção a oração “Glória ao Pai”, se tornaria sábio aos olhos de Deus. Ele mesmo, Francisco, era um grande exemplo da sabedoria dessa maneira adquirida.

São Francisco de Assis e os animais

A proximidade de Francisco com a natureza sempre foi a faceta mais conhecida deste santo. Seu amor universalista abrangia toda a Criação, e simbolizava um retorno a um estado de inocência, como Adão e Eva no Jardim do Éden.

Os estigmas de São Franscisco de Assis

Dois anos antes de sua morte, tendo Francisco ido ao Monte Alverne em companhia de alguns de seus frades mais íntimos, pôs-se em oração fervorosa e foi objeto de uma graça insigne.

Na figura de um serafim de seis asas apareceu-lhe Nosso Senhor crucificado que, depois de entreter-se com ele em doce colóquio, partiu deixando-lhe impressos no corpo os sagrados estigmas da Paixão. Assim, esse discípulo de Cristo, que tanto desejara assemelhar-se a Ele, obteve mais este traço de similitude com o Divino Salvador.

Devoção a São Francisco de Assis

No verão de 1225, Francisco esteve tão enfermo, que o cardeal Ugolino e o irmão Elias o levaram ao médico do Papa, em Rieti. São Francisco de Assis perguntou a verdade e lhe dissessem que lhe restava apenas umas semanas de vida. “Bem vinda, irmã Morte!”, exclamou o santo.

Em seguida pediu para ser levado à Porciúncula. Morreu no dia três de outubro de 1226, com menos de 45 anos, depois de escutar a leitura da Paixão do Senhor. Ele queria ser sepultado no cemitério dos criminosos, mas seus irmãos o levaram em solene procissão à Igreja de São Jorge, em Assis.

Ali esteve depositado até dois anos depois da canonização. Em 1230, foi secretamente trasladado à grande basílica construída pelo irmão Elias. Ele foi canonizado apenas dois anos depois da morte, em 1228, pelo Papa Gregório IX. Sua festa é celebrada em 04 de outubro.

Oração a São Francisco de Assis
ASSIS TUMULO
Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.

Onde houver ódio, que eu leve o amor;

Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;

Onde houver discórdia, que eu leve a união;

Onde houver dúvida, que eu leve a fé;

Onde houver erro, que eu leve a verdade;

Onde houver desespero, que eu leve a esperança;

Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;

Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó Mestre, Fazei que eu procure mais

Consolar, que ser consolado;

compreender, que ser compreendido;

amar, que ser amado.

Pois, é dando que se recebe,

é perdoando que se é perdoado,

e é morrendo que se vive para a vida eterna.

Anúncios

A MAIOR CAUSA DE MORTE NO MUNDO A B O R T O

setembro 9, 2013

SANTIAGO, 04 Set. 13 / 01:59 pm (ACI/EWTN Noticias).-  Ao oferecer a conferência “A Pobreza do Aborto” no Chile, o doutor em Filosofia e acadêmico da Faculdade de Comunicações da Universidade de Navarra, Alejandro Navas, denunciou que “o aborto é hoje a primeira causa de morte no mundo”.

O evento se celebrou em 22 de agosto no auditório da Galeria de Patricia Ready em Santiago do Chile e foi organizado pela instituição Foro Republicano.

Entre os participantes, estiveram diversas personalidades e acadêmicos.

 

Em sua conferência, Navas desenvolveu o conceito do aborto como a principal manifestação de pobreza da sociedade atual, principalmente na realidade europeia.

“A pobreza é carência, privação, escassez do desejado, necessário e imprescindível. Do que o aborto nos priva? Em primeiro lugar nos priva da vida humana. O aborto é hoje a primeira causa de morte no mundo. É por isso que hoje se fala do chamado inverno demográfico na Europa”, afirmou.

“Além disso, o aborto empobrece o estado de direito, quer dizer, da segurança e da paz, que o Estado se compromete a resguardar. O aborto equivale ao falecimento do estado de direito, já que impõe a violência e o homicídio, determinando que a criança no ventre, o ser mais débil da sociedade, seja eliminada”, assegurou Navas.

O acadêmico, autor do livro “O aborto nos meios de comunicação”, explicou que os atuais grupos abortistas procuram fazer uma reengenharia da sociedade; tanto no âmbito antropológico e jurídico, como no biológico, onde se utilizam jogos verbais ou eufemismos. “O aborto não passa sem sequelas, deixa indeléveis feridas na sociedade”, comentou.

Finalmente, assinalou que não basta somente procurar evitar o aborto, mas como sociedade, temos a tarefa de prestar ajuda e segurança aos pais que respeitaram o direito à vida de seus filhos e que hoje em dia se veem angustiados pela falta de recursos materiais, mas, sobretudo, de recursos espirituais.

“Não é conveniente ter uma postura simplesmente reativa ante o tema; é importante ajudar às mulheres, e pessoas que optaram pela vida para logo comunicar essas histórias e testemunhos de vida. Isto é muito mais eficaz para mudar o clima de opinião sobre o aborto na sociedade”, concluiu.

 

FONTE : http://www.acidigital.com/noticia.php?id=25983

DIA 23 DE ABRIL SÃO JORGE

abril 21, 2013

sao jorgeORAÇÃO

Chagas abertas, Sagrado Coração todo amor e bondade, o sangue do meu Senhor Jesus Cristo, no corpo meu se derrame hoje e sempre.
Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me exerguem e nem pensamentos eles possam ter para me fazerem mal.
Armas de fogo o meu corpo não o alcançarão, facas e lanças se quebrarão sem ao meu corpo chegar, cordas e correntes se arrebentarão sem o meu corpo amarrarem.
Jesus Cristome proteja e me defenda com o poder de sua Santa e Divina Graça, a Virgem Maria de Nazaré, me cubra com o seu Sagrado e divino manto, me protegendo em todas minhas dores e aflições, e Deus com a sua Divina Misericórdia e grande poder, seja meu defensor, contra as maldades de perseguições dos meus inimigos, e o glorioso São Jorge, em nome de Deus, em nome de Maria de Nazaré, e em nome da falange do Divino Espírito Santo, me estenda o seu escudo e as suas poderosas anulas, defendendo-me com a sua força e com a sua grandeza, do poder dos meus inimigos carnaise espirituais e de todas sua más influências, e que debaixo das patas de seu fiel ginete, meus inimigos fiquem humildes e submissos a vós, sem se atreverema ter um olhar sequer que me possa prejudicar.
Assim seja com o poder de Deus e de Jesus e da falange do Divino Espírito Santo.
Amém.

NOVENA A SÃO JORGE DIA 23 DE ABRIL
1º DIA:
Iniciemos com fé este primeiro dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Sl 56,10-12
“ Meus inimigos baterão em retirada no dia em que eu clamar a ti. Isto eu sei: Deus está a meu favor. Em Deus, cuja a palavra eu louvo, neste Deus eu confio e nada temo: o que poderá um ser humano fazer contra mim?”

Reflexão
O Salmo mostra uma total confiança do salmista em Deus, uma fé inabalável no Deus único, criador do universo. A fé é um dom de Deus oferecido a todos, e este dom deve ser cultivado por todos nós. São Jorge, iluminado pela fé em Deus, sentiu o amparo divino em todos os momentos de sua vida. Vamos seguir o exemplo de São Jorge e ter uma fé inabalável em Deus.

Oração
Glorioso São Jorge, fortalecei a minha fé. Dai-me coragem e esperança. Confiante em vosso poder, eu vos peço que venhais em meu auxílio, ajudando-me……. (fazer o pedido)

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

2º DIA:
Iniciemos com fé este segundo dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Leitura bíblica Is 26,3
“ O pensamento está firme: tu conservas a paz, a paz, porque tem confiança em ti. Confiai no Senhor para sempre, porque o Senhor é uma rocha eterna.”

Reflexão
Todos nós passamos por provações em nossas vidas, e nesses momentos, é preciso perseverar na fé em Deus. São Jorge também teve muitos momentos de adversidades, perseguições e continuou firme na fé em Deus. E esta entrega total ao Pai nos ajuda a encontrar a paz mesmo nas situações difíceis.

Oração
São Jorge, soldado de Cristo, ouvi meu apelo e apresentai a Deus todo poderoso meu pedido….. (fazer o pedido). Confiante em vosso poder, eu vos peço proteção neste momento.

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

3º DIA:
Iniciemos com fé este terceiro dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica: Sl 3
“ Senhor, quão numerosos são meus adversários!
Quantos se levantam contra mim!
Quantos dizem de mim: ‘Não há para ele salvação em Deus!’
Mas tu, Senhor, és um escudo para mim,
és minha glória e manténs erguida minha cabeça
Com minha voz clamo ao Senhor,
E Ele me responde do seu manto santo.
Posso deitar-me, dormir e acordar,
Pois o Senhor me sustenta.
Não temo as multidões do povo
Que tomam posição contra mim de todos os lados.
Levanta-te, Senhor!
Salva-me, ó Deus meu!
Pois Tu golpeias no queixo todos os meus inimigos
E quebras os dentes dos ímpios.
De ti, Senhor, vem a salvação,
E, sobre teu povo, a tua bênção.”

Reflexão
O salmo nos mostra uma total confiança na proteção divina. São Jorge, teve essa confiança em Jesus desde sua infância, nunca se afastando de seus ensinamentos. O exemplo de São Jorge deve ser seguido por todos os cristãos: rezando, louvando, agradecendo e seguindo os ensinamentos de Jesus.

Oração
Poderoso São Jorge, protegei-me e defendei-me de todas as maldades e perseguições de meus inimigos. Vinde-me em meu socorro, ajudando-me a ….. (fazer o pedido).
Dai-me coragem e esperança e fortalecei minha fé em Jesus, Nosso Senhor. Amém.

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

4º DIA:
Iniciemos com fé este quarto dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Rm 12,21
“ Não te deixes vencer pelo mal, mas triunfa do mal com o bem.”

Reflexão
Devemos evitar o máximo possível as situações que podem nos levar a ser tentados para o mal. São Jorge foi tentado para renunciar a Cristo e resistiu. Nos momentos de tentação o cristão deve conversar com Deus, pois, através da oração, com certeza, encontrará a luz necessária para vencer o mal.
Oração
São Jorge, Santo Guerreiro, abri meus caminhos, livrai-me dos meus inimigos, protegendo-me e afastando-me de ….. (mencionar o motivo que o aflige).

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

5º DIA:
Iniciemos com fé este quinto dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Sl 91, 14-15
“Porque ele se apegou a mim, eu o libertarei; eu o protegerei, pois, conhece meu nome. Quando me invocar, eu lhe responderei; estarei com ele na tribulação, eu o livrarei e o glorificarei.

Reflexão
Jesus é nossa esperança, em qualquer situação de conflito, de angústia. Ele nos ama e está presente em todos os momentos, mesmo quando estamos sofrendo. São Jorge soube reconhecer a presença de Deus em sua vida, desde criança, e assim vamos procurar seguir o exemplo deste santo guerreiro, invocando sempre Jesus em nossa vida.

Oração
Querido São Jorge, ajudai-nos a reconhecer Jesus em todos os momentos de nossa vida, não nos desanimando perante as dificuldades.
São Jorge, Santo Guerreiro, atendei ao pedido especial que fazemos nesta novena…. (Fazer o pedido).

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

6º DIA:
Iniciemos com fé este sexto dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Jo 12,46
“ Eu vim como a luz do mundo, para que todo aquele que crer em mim não fique na escuridão.”

Reflexão
Baseado nesta passagem do Evangelho, segundo São João, Jesus é nosso Salvador e nosso Libertador. Ele nos ama e nos ilumina, fortalecendo-nos ao enfrentarmos perseguições, angústias, medos. São Jorge aceitou Jesus como a “luz” de toda a sua vida.

Oração
São Jorge, santo poderosíssimo que jamais desampara a quem a vós recorre, acolhei-me neste momento e alcançai-me a graça de que tanto necessito….(fazer o pedido).

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

7º DIA:
Iniciemos com fé este sétimo dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica 2Tm 1,7
“ Pois Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, amor e sobriedade. Não te envergonhes de dar testemunho do nosso Senhor….”

Reflexão
Devemos nos fortalecer com Deus diante das fraquezas, do medo, das dúvidas, dos inimigos. Fortalecer nossa fé em Deus, mantendo o equilíbrio e o pensamento firme em Jesus cristo, nosso Senhor, dando, sempre que necessário, nosso testemunho do valor da presença dele em nossa vida. Assim fez São Jorge, o Santo Guerreiro.

Oração
São Jorge, soldado de Cristo, vindo e, meu auxílio, defendei-me dos meus inimigos. Eu aceito Jesus Cristo como meu único Senhor e Salvador. Eu peço agora que afasteis de mim…. (mencionar o pedido da novena)

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

8º DIA:
Iniciemos com fé este oitavo dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Sl 59,2-3
“Meu Deus, livrai-me dos meus inimigos, protege-me dos meus agressores! Livra-me dos malfeitores, salva-me dos homens sanguinários!

Reflexão
O salmista se refugia em deus. São Jorge, diante das adversidades e perseguições, conservou sua fidelidade a Jesus. Devemos seguir o exemplo desse santo guerreiro, colocando nossos sofrimentos nas mãos de Jesus Cristo.

Oração
Ó São Jorge, meu santo guerreiro, invencível na fé em Deus, abri meus caminhos. Defendei-me com vossa força e grandeza, ajudando-me a alcançar a graça que vos peço. (Fazer o pedido)

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

9º DIA:
Iniciemos com fé este nono dia de nossa novena, invocando a presença da Santíssima Trindade: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Leitura bíblica Fl 4,6
“ Não vos inquieteis por coisa alguma. Em todas as circunstâncias, apresentai a deus as vossas necessidades em oração e súplica, acompanhadas de ação de graças.

Reflexão
A oração é uma das formas de mostrar a nossa devoção a deus, ficando mais perto dele. O verdadeiro sentido da oração é a fé, é acreditar que tudo é possível, se for da vontade de Deus.

Oração
Ó valente São Jorge,com humildade recorro a vós, na certeza de vosso auxílio, pedindo vossa intercessão junto a Deus, nosso Pai, para acabar com meu sofrimento….. (Fazer o pedido) São Jorge, fortalecei minha fé em Deus, daí-me coragem e esperança. Abri meus caminhos, protegendo-me de meus inimigos. Livrai-me da angústia, da tristeza, da inveja. Livrai-me de todo malefício. Amém!

Pai Nosso / Ave Maria / Gloria ao Pai São Jorge, intercedei por nós!

LADAINHA DE SÃO JORGE (NO FINAL DAS ORAÇÕES DIARIAS)

Senhor, tende piedade de nós.
Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Cristo ouvi-nos.
T -Cristo atendei-nos.
Deus pai do céu.
T – Tende piedade de nós.
Deus Filho redentor do mundo.
T – Tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo.
T – Tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus.
T – Tende piedade, piedade de nós.
Santa Maria, Rainha dos Mártires.
T – Rogai por nós.
Santa Mãe de Deus.
Santa Virgem dos céus recebeu o Senhor Jesus Cristo.
São Jorge, que do Senhor recebestes a coroa da justiça.
São Jorge, patrono da juventude.
São Jorge, guarda dos Soldados.
São Jorge, esperança dos encarcerados.
São Jorge, fiel Mártir da fé.
São Jorge, fiel seguidor do Cristo.
São Jorge, fiel a Cristo até a morte.
São Jorge, invencível defensor da fé.
São Jorge, que renunciando ao mundo, ganhastes a Cristo.
São Jorge, que pela espada entregastes a Cristo o vosso sangue.
São Jorge, libertador dos cativos.
São Jorge, em Cristo, alívio dos doentes.
São Jorge, em Cristo, auxílio dos enfermos.
São Jorge, em Cristo, consolo dos aflitos.
São Jorge, apoio fidelíssimo de todos os congregados.
São Jorge, dos congregados exemplar mestre da fé.
São Jorge, em Cristo, destruidor de todas as vibrações malignas.
São Jorge, em Cristo, vitorioso de todos os malefícios.
São Jorge, em Cristo, neutralizador de toda a magia.
São Jorge, vencedor em Cristo, de toda a contenda do demônio.
São Jorge, que elevai ao Senhor as nossas preces.
São Jorge, que pisai e esmagai a Maldade dos nossos inimigos.
São Jorge, seja em Cristo nosso escudo e protetor.
São Jorge, sede nossa vitória sobre os nossos oponentes.
São Jorge, radiante luzeiro dos Espíritos Bem-Aventurados.
São Jorge, auxílio nos negócios de rapidez e brevidade.
São Jorge, sede nosso auxílio urgente.
São Jorge, fonte de fé e de esperança.
São Jorge, príncipe dos Mártires militares.
São Jorge, mediador dos processos urgentes.
São Jorge, que degolado deixastes este mundo.
São Jorge, nosso glorioso padroeiro.
Cordeiro de Deus que tirais os pecados do mundo.
T – Perdoai-nos Senhor.
Cordeiro de Deus que tirais os pecados do mundo.
T – Ouvi-nos Senhor.
Cordeiro de Deus que tirais os pecados do mundo.
T – Tende piedade de nós.
Cristo, ouvi-nos. Cristo, atendei-nos
T – Cristo, ouvi-nos. Cristo, atendei-nos.

TRANSFIGURAÇÃO DE JESUS 06 DE AGOSTO

agosto 6, 2011
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Com alegria, toda a Igreja festeja neste dia, a Transfiguração de Nosso Senhor Jesus Cristo, a qual se encontra testemunhada nos Evangelhos de Mateus, Marcos e Lucas. Neste fato bíblico, nós nos deparamos com o segredo da santidade para todos os tempos: “Este é o meu Filho bem-amado, aquele que me aprove escolher. Ouvi-o!” (Mc 9,7)

Sem dúvida, os santos que estamos lembrando hoje, somente estão no Eterno Tabor, por terem vivido esta ordem do Pai. Conta-se que eram jovens cristãos e estavam na escola, quando souberam que o perseguidor e governador Daciano acabara de entrar na cidade. Sendo assim, os santos Justo e Pastor, fugiram, mas foram pegos e entregues por pagãos ao grande perseguidor dos cristãos.

Diante do governador que estava sobre o seu cavalo, os corajosos discípulos de Cristo não recuaram diante das ameaças, tanto assim que, frente à possibilidade do martírio, a resposta de São Justo e Pastor foi um canto de felicidade. O governador, ridicularizado pela fé que transfigurava aqueles jovens, mandou que lhes cortassem as cabeças, isto ocorreu em Alcalá de Henares, em Castela, no ano de 304.

Santos Justo e Pastor, rogai por nós

 

(Mt 17, 1-9 | Mc 9, 2-10 | Lc 9, 28-36)

E aconteceu porém que, seis dias (cerca de oito dias) depois destas palavras, Jesus tomou Pedro, Tiago e João, seu irmão, e (tendo tomado Pedro, João e Tiago) conduziu-os e subiu a um alto monte, consigo, a sós, para orar.

E enquanto ele orava, a aparência do seu rosto tornou-se outra e a sua roupa, branca, refulgente: Ele transfigurou-se diante deles e o seu rosto resplandeceu como o sol; e as suas roupas, porém, tornaram-se resplandecentes, extremamente brancas, como a luz, como nenhum lavadeiro sobre a terra as pode tornar tão brancas.

E eis que lhes apareceram Moisés e Elias (Elias com Moisés), e estavam a falar com Jesus (com ele): dois varões falavam com ele, que eram Moisés e Elias, os quais, tendo aparecido em glória, falavam da saída dele, que estava para cumprir-se em Jerusalém.

Pedro, porém, e os que estavam com ele estavam acabrunhados pelo sono. Despertando, porém, viram a sua glória e os dois varões que estavam de pé com ele.

E aconteceu que, quando se afastavam dele, Pedro, porém, respondendo, disse (diz) a Jesus: «Rabbi (Chefe), Senhor, é bom nós estarmos aqui; e façamos três tendas! Se queres, farei aqui três tendas: uma para ti, uma para Moisés e uma para Elias»; não sabendo o que dizia. (Pois não sabia que responder, porque estavam atemorizados.)

E ainda ele falava, dizendo, porém, ele estas coisas, eis que se fez uma nuvem luminosa e cobriu (cobria)-os (cobrindo-os); e atemorizaram-se, porém, entrando eles na nuvem. E eis que da nuvem se fez uma voz, dizendo: «Este é o meu Filho amado, o eleito, no qual me agradei. Ouvi-o». E os discípulos, ouvindo, caíram com a sua face por terra e tiveram grande medo.

E, tendo soado aquela voz, Jesus encontrou-se só. E Jesus aproximou-se e, tocando-os, disse: «Levantai-vos e não temais!» Erguendo, porém, os seus olhos, e, de repente, tendo olhado em redor, não viram mais ninguém, senão (mas) o próprio Jesus só com eles.

E enquanto eles desciam do monte, Jesus ordenou-lhes que a ninguém narrassem o que tinham visto, até que o Filho do Homem ressuscitasse dos mortos, dizendo: «A ninguém digais a visão, até que o Filho do Homem ressuscite dos mortos!» E eles calaram-se e não disseram a ninguém, naqueles dias, nada do que tinham visto. E guardaram a palavra consigo, perguntando uns aos outros o que é o «ressuscitar dos mortos».

Fiéis protestam contra a blasfema exposição da Cruz em Avignon, França

abril 19, 2011

Avignon (La Porte Latine / Pius.info) Cidade no sul da França, O protesto contra a blasfema exposição de um crucifixo “Piss Christ” (pius.info berichtete) foi um “grande sucesso com tranqüilidade” segundo informações do sítio oficial do Distrito Francês da FSSPX, “dignidade e alegria a respeito de uma guerra pacífica” [ndr: obra blasfema de Andres Serrano “Piss the Christ” (Mije o Cristo) , exposta no museu de Avignon, que consiste na fotografia de um pequeno cruci fixo mergulhado em urina do próprio autor. Foi já exposta em outros lugares e gera polêmica há décadas — rezemos em desagravo].

O manifesto para a honra da cruz até agora foi assinado por mais de oitenta mil cristãos. Ajude assinando-o no sítio http://www.defendonslecrucifix.org/.

No sábado, dia 16 de abril, reuniram-se mais de 1.800 pessoas no Place du Palais em Avignon para expressar sua indignação sobre a exposição blasfema da cruz e para exigir a sua imediata retirada. Também muitos jornalistas (rádio, jornal, televisão) estiveram presentes.

 
 

 

O milagre eucarístico de Avignon

 
 

A confraria dos Pénitents gris de Avignon teve por fundador Luís VIII, pai de São Luís IX.

Ela tem a sua sede na capela da Santa Cruz, chamada dos Pénitents gris.

O Santíssimo Sacramento está aí exposto noite e dia, desde 14 de setembro de 1226.

A cidade de Avignon está situada a algumas centenas de metros da confluência dos rios Rhône e Durance, e é atravessada por um de seus afluentes, o Sorgue.

Em 1433, chuvas torrenciais fizeram transbordar os três rios, que inundaram as partes baixas da cidade. A água entrou na capela dos Pénitents gris, que fica às margens do Sorgue.

A inundação tomou tais proporções durante a noite, que na manhã seguinte os superiores da Ordem, temendo que a água atingisse o trono onde estava exposto o Santíssimo Sacramento, tomaram uma canoa e foram até a capela.

Qual não foi a sua surpresa quando, depois de aberta a porta, constataram que as águas, à semelhança do Mar Vermelho e do Jordão, se mantinham à direita e à esquerda, elevadas como grandes paredes, deixando absolutamente livre e seca a passagem que conduzia ao altar.

O prodígio lhes pareceu ainda maior quando, chegados ao altar, que fica ao nível do piso da capela, sem degraus, viram em volta tudo igualmente seco.

As águas se levantavam ao longo das paredes como verdadeiras tapeçarias, formando arcobotantes no alto, como uma espécie de teto. Assim diz o antigo relato conservado nos arquivos da confraria.

Os dois frades, depois de terem adorado o Autor desse prodígio, se apressaram em comunicá-lo aos outros confrades.

Vieram doze, e todos juntos foram chamar quatro frades menores da Ordem de São Francisco, dos quais três eram doutores em Teologia.

A água se mantinha no meio do banco que fica ao longo do adro da capela, de maneira a deixar uma parte inteiramente seca.

Para comemorar o milagre, celebra-se todos os anos com solenidade a festa no dia 30 de novembro, dia de Santo André.

Pela manhã, todos os membros da confraria vão à comunhão percorrendo de joelhos até a mesa da comunhão o caminho sagrado preservado milagrosamente pelas águas.

Na véspera o pregador relembra o milagre, e o cântico “Cantemus Domino”, que foi entoado por Moisés depois da passagem do Mar Vermelho, precede a adoração e a bênção do Santíssimo Sacramento.

Cardeal Raymond Burke fala sobre aborto, missa tridentina, comunhão na mão

janeiro 18, 2011
Sobre a realidade do aborto diz o Cardeal:

“(…)Aborto é tirar a vida desde o início de um ser indefeso. Ouvimos atualmente definições do aborto como interrupção de uma gravidez ou remoção do embrião. As pessoas pararam de pensar que se trata de uma vida humana. De fato, eu visitei recentemente uma clínica destinada à grávidas nos Estados Unidos que ajuda jovens mulheres a seguir com suas gestações até o final e o diretor me disse que quando eles mostram à essas jovens o ultra-som do bebê dentro do útero, elas decidem imediatamente a ter o bebê. Isso parece incrível. Mas essas mulheres disseram ao diretor que não haviam percebido que se tratava de uma vida humana…(…)”

Sobre os Bispos diz ele:
“(…)Frequentemente os bispos ficam em silêncio com a alegação de que o ensino sobre o aborto é uma crença peculiar da Igreja Católica Romana e que, portanto, os bispos estão errados em entrar nesse tipo de discussão em público. O fato que importa é que estamos tratando da vida de um ser humano e as leis da moralidade estão escritas no coração de cada ser humano. Os Bispos não apenas tem o direito de fazer esse discurso em público como também em insistir pelo bem comum, que é garantido em primeiro lugar, ao respeito pela própria vida humana, mas eles tem o compromisso com relação à santificar o mundo. A igreja é chamada para a servir, salvar e para anunciar esta verdade moral(…).”
 
Sobre a Missa Tridentina (Forma Extraordinária) do Missal Romano, diz o Em.mo Cardeal Burke:

“(…)hoje como também foi no passado o que retorna praticamente aos tempos de Papa Gregório o grande e desta maneira o que vai enriquecer a adoração, a perfeita adoração de toda igreja é a celebração da Missa Tridentina de acordo com o Missal Romano e esta é a minha esperança e eu nunca tinha visto os sinais, os sinais reais para esta esperança e através da celebração da Missa Tridentina ocorrerá um enriquecimento mútuo e próprio da forma extraordinária e da forma ordinária e eu estou esperando que com o tempo nós vamos achar um caminho para a reforma da

reforma em ordem de endereçar o que o Papa Bento XVI também já endereçou aqueles abusos que aconteceram após o Concílio Vaticano II (…).”
Sobre a forma como a comunhão é distribuída na igreja diz o Sr. Cardeal:

“(…) Recentemente o Santo Padre em São Pedro está distribuindo a Santa Comunhão na boca. Esta forma tem sido preferida, recentemente, nas Missas Papais como um hino de comunhão. (…) Com este exemplo o Santo Padre está dando uma lição muito clara a respeito dos fiéis receberem a comunhão diretamente na boca (…).”

Lula tem agora uma carta na manga contra a CNBB

outubro 8, 2010

Segundo o jornal “Valor” de hoje, há mais entre o céu e a terra do que a polêmica que envolve o aborto. A rediscussão do acordo assinado entre Brasil e Vaticano em 2007, que garante benefícios à Igreja Católica – tributários, trabalhistas -, é a arma que Lula sacou para pôr fim à campanha que os padres vêm fazendo nas missas contra Dilma. O recado teria sido dado à CNBB pelo chefe de gabinete da Presidência, Gilberto Carvalho, ex-seminarista e “católico praticante”. Resumindo: se a campanha continuar nos púlpitos, Lula abrirá fogo contra os católicos. Nem o 2º turno freou a soberba de Lula.

A matéria segue abaixo, na íntegra.

 

Valor – 7 de outubro de 2010.

Reportagem de César Felício e Raymundo

O aborto está no centro da controvérsia, mas a lista de contenciosos é mais ampla e até o acordo entre o Brasil e o Vaticano, negociado durante a visita do papa Bento XVI em 2007, pode tensionar a relação entre o governo e a Igreja, apesar de já estar em vigor. O acordo, que leva as assinaturas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do papa, foi aprovado pelo Congresso em 2009, trata do estatuto jurídico da Igreja no Brasil e garante benefícios de natureza tributária, trabalhista e até subsídios públicos para a manutenção de monumentos históricos, entre uma série de temas.

O Palácio do Planalto ameaça rediscutir o acordo se padres continuarem fazendo campanha, nas missas, contra a candidata Dilma Rousseff (PT) devido a sua suposta posição favorável à descriminalização do aborto. O recado do governo chegou à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) por meio do chefe de gabinete da Presidência da República, Gilberto Carvalho, um católico praticante. Carvalho é ex-seminarista e sempre fez a mediação dos assuntos de Estado com a Igreja Católica. Agora, na campanha de Dilma, foi encarregado de fazer a aproximação da candidata com a igreja.

O assunto também preocupa o bispo auxiliar de Salvador. “Há ações diretas de inconstitucionalidade (Adin) em tramitação. É importante o empenho do Executivo e do Legislativo para garantir que a discussão jurídica não coloque riscos a todo o processo já negociado”, disse.

Na avaliação do comando da campanha petista, Dilma perdeu votos para Marina Silva (PV) por causa da polêmica sobre o aborto. Em julho a carta de um bispo pedindo aos fiéis que não votassem em Dilma foi reproduzida por agências e blogs de notícias como sendo a posição oficial da CNBB, o que não era o caso. Mesmo assim a carta foi lida em missas em todo o país.

O acordo entre o Brasil e o Vaticano foi aprovado em votação simbólica no Congresso, sob fortes protestos do PSOL e do PPS, sob a alegação que ele seria inconstitucional, e de entidades da sociedade civil, como a Associação dos Magistrados (AMB) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O acordo prevê a instituição do ensino religioso em escolas públicas, isenções fiscais e imunidades de entidades religiosas perante leis trabalhistas. Criticado pela AMB e pela OAB, o texto também era boicotado pela bancada de parlamentares evangélicos, mas acabou aprovado depois de negociação que permitiria estender os privilégios às demais religiões.

O acordo já foi promulgado e há Adin da Procuradoria-Geral da República, tramitando desde agosto, questionando o ensino religioso em escolas públicas. Uma outra Adin, impetrada por uma confederação de igrejas da Assembleia de Deus, que questionava a validade do acordo como um todo, foi rejeitada pelo ministro Joaquim Barbosa em abril, sob o argumento de que o impetrante não era parte legítima.

Italiano formado em Ciências Políticas pela Universidade de Perugia, Petrini fez mestrado e doutorado em Sociologia na PUC de São Paulo e é um dos integrantes da Comissão Episcopal para a Vida e Família, que trata de assuntos como aborto e matrimônio. Petrini foi um dos 67 bispos signatários de um documento divulgado em janeiro contra o terceiro Plano Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3). O plano foi classificado na ocasião como “ameaça à paz social”. O bispo identifica no PNDH-3, assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em dezembro, o ponto de ebulição na relação entre o governo e o clero.

“Lula fez concessões a grupos políticos conservadores e exerceu uma compensação. Tudo o que dizia respeito à organização da economia tornou-se intocável. E os grupos da esquerda foram exercer sua pressão no plano dos costumes e dos valores morais”, afirmou. No PNDH-3, entre outros pontos, defende-se a rediscussão da interdição do aborto, controles externos para os grupos de comunicação, união civil e possibilidade de adoção de crianças por parte de homossexuais, além da retirada de símbolos religiosos em determinados locais públicos.

No dia 20 de setembro, Petrini acompanhou a reunião, de mais de uma hora, entre o candidato tucano à Presidência, José Serra (PSDB), e o arcebispo de Salvador e cardeal primaz do Brasil, dom Geraldo Majella Agnelo. Mas o alto clero não deve caminhar para declarações de voto, na opinião de Petrini.

“O episcopado mais do que nunca deve propor critérios para o eleitor escolher um candidato, sem recomendações explícitas, ao contrário do que já ocorreu no passado, em que houve uma clara opção por Lula. Mas os grupos católicos estão se mobilizando. Certamente a Dilma enfrenta não ações, mas reações a atitudes que ela tomou e que deixou de tomar. Não é preciso orientação da CNBB, existe a internet. E não há mentiras veiculadas. Praticamente tudo tem como base documentos”, afirmou.

Atitudes como a do padre José Augusto, que atacou o PT durante uma homilia transmitida pela TV Canção Nova, no domingo, são vistas com reserva pelo prelado. “Eu não concordo que o sacerdote faça recomendações políticas explícitas durante um momento litúrgico. Mas fora desse momento, ele é um cidadão”, disse.

Para Petrini, a emergência de temas religiosos no debate deriva de um processo estrutural. “Desde a proclamação da República a classe dirigente se afastou da sensibilidade religiosa popular. Isto começou quando os filhos da elite, que estudaram na França, voltaram ao Brasil com o ideário positivista. Desde então a religião é tolerada, com algum desprezo, pelo meio intelectual universitário. O partido antirreligioso no Brasil é transversal”, comentou.

Mesmo no governo Fernando Henrique, houve tensões entre o governo e o que Petrini chama de “senso religioso”. “O próprio Serra, quando ministro da Saúde, normatizou o aborto para os casos previstos em lei. Mas não houve
naquele tempo a ofensiva de agora. O governo atual apresentou duas propostas de lei sobre o tema e o colocou no PNDH-3″, disse.

Segundo o bispo, reações contra mudanças na lei do aborto surgem espontaneamente, sem necessidade de um detonador nas sacristias. “Existe uma esmagadora predominância entre a população do conceito de que a vida é um dom de Deus. A classe dirigente não entende isso.”

Resumindo: se a campanha continuar nos púlpitos, Lula abrirá fogo contra os católicos. Nem o 2º turno freou a soberba de Lula.

Blasfêmia

setembro 15, 2010

Um anúncio de sorvete com a fotografia de uma modelo como uma freira grávida foi proibido pelo órgão que regula a publicidade no Reino Unido.

  • PAA Advertising Standards Authority considerou que o anúncio desrespeitava as crenças cristãs

A Advertising Standards Authority (ASA, na sigla em inglês) considerou que o anúncio desrespeitava as crenças cristãs, principalmente de católicos.

A empresa por trás do anúncio, Antonio Federici, no entanto, prometeu exibir posteres semelhantes em parte do trajeto que o Papa Bento 16 fará na capital britânica. A visita de estado do Papa, que começa nesta quinta-feira, é a primeira desde a criação da Igreja Anglicana em 1534.

A peça publicitária mostra uma modelo grávida, vestida de freira, saboreando o sorvete em uma igreja com os dizeres: “Concebido imaculadamente” em referência ao dogma cristão da concepção de Jesus e “Sorvete é a nossa religião”.

Novo anúncio

A empresa britânica responsável pela peça disse que exibirá posteres com imagens semelhantes perto da Abadia de Westminster. A agenda do Papa prevê uma visita à abadia nesta sexta-feira, que será seguida da celebração de uma missa na Catedral de Westminster no sábado.

A empresa não revelou que imagem será exibida no novo anúncio, dizendo apenas que será uma “continuação do tema”. Por meio de uma porta-voz, a empresa disse que a nova peça tem como objetivo “desafiar” a proibição do órgão regulador.

Por meio de um comunicado, a agência reguladora disse não poder fazer comentários sobre anúncios que ainda não foram divulgados, mas que está atuando, nos bastidores, para que o anunciante respeite as diretrizes.

A empresa disse ainda que tem o objetivo de comentar e questionar, usando a sátira e o humor, a relevância e a hipocrisia da religião e a postura da igreja em relação a questões sociais.

O anúncio proibido foi publicado em edições das revistas The Lady e Grazia e recebeu 10 reclamações.

A empresa tentou argumentar que o baixo número de queixas não deveria comprometer a liberdade de expressão com o grande público.

Este é o segundo anúncio de Antonio Federici proibido pela ASA. Em 2009, uma imagem que mostrava um padre e uma freira se preparando para um beijo foi também rejeitada pela agência reguladora.

http://noticias.uol.com.br/bbc/2010/09/15/anuncio-de-sorvete-com-freira-gravida-e-proibido-na-gra-bretanha.jhtm

CASO PLAYBOY ”JESUS” NA CAPA

julho 11, 2010
 

Jesus está na capa da Playboy: revista explica-se

Número de Julho pretende ser um «ensaio original» e «único», uma «última homenagem» a José Saramago. Detentora da edição portuguesa diz ainda que não foi notificada pela Playboy Internacional para encerrar a revista

Na capa vê-se Cristo rodeado de mulheres nuas ao lado do título do livro de Saramago «O Evangelho Segundo Jesus Cristo». Aquilo que pretendia ser um «ensaio original» e «único» sobre o escritor, como revela a administração da Frestacom, pode afinal ditar o fim da edição portuguesa da revista.

http://www.agenciafinanceira.iol.pt/portal-iol/playboy-sexo-portugal-saramago-cristo-agencia-financeira/1176337-5282.html

Assim que saiu nas bancas, a edição de Julho da revista Playboy causou polémica. O objectivo era fazer uma «última homenagem» ao Nobel da literatura português recentemente falecido, José Saramago, mas a Playboy Internacional não gostou.

Na capa vê-se Cristo rodeado de mulheres nuas ao lado do título do livro de Saramago «O Evangelho Segundo Jesus Cristo». Aquilo que pretendia ser um «ensaio original» e «único» sobre o escritor, como revela a administração da Frestacom, pode afinal ditar o fim da edição portuguesa da revista.

Playboy: Jesus na capa dá polémica

É que os órgãos de comunicação noticiaram esta quinta-feira que a Playboy Internacional decidiu encerrar a edição elaborada em Portugal. Mas a Frestacom já veio dizer que não foi notificada pela dona da revista original nesse sentido.

Playboy Portugal admite que conteúdo da revista é «forte»

A administração da empresa admitiu, num comunicado citado pela Lusa, tratar-se de um conteúdo «forte» e que o objectivo era transmitir uma mensagem «igualmente forte, sem necessidade de legendas».

Mas, «aparentemente, algumas pessoas ainda não captaram a verdadeira essência e conceito da revista». A Frestacom está «espantada» com a «atenção dada ao imediato em detrimento da análise profunda» que, asseguram os responsáveis, é transmitida na produção fotográfica.

Fecho da revista «não está em causa»

O vice-presidente da Frestacom, Gil Teixeira, e o director da revista em Portugal, João Araújo, garantiram à Lusa que o fecho da revista «não está em causa». A equipa já está aliás a trabalhar no próximo número.

Como não recebeu «informação nenhuma» da administração internacional da Playboy, João Araújo disse que o trabalho continua «com a maior da normalidade».

O primeiro número da «Playboy Portugal» chegou às bancas em Março do ano passado.

CASO DULOREN, PROPAGANDA OFENDENDO A IGREJA CATÓLICA

julho 11, 2010

Prezados Amigos

Ontem mesmo enviei e-mails e postei na comunidades do orkut e twiter sobre a campanha da empresa Duloren.

A DuLoren, uma empresa franco-brasileira que fabrica lingerie, iniciou uma campanha publicitária de lingerie atacando a Igreja Católica sob o pretexto de combater os padres pedófilos!!! Vejam esta campanha em:-

http://portalexame.abril.com.br/marketing/noticias/campanha-duloren-relaciona-vaticano-pedofilia-574932.html

Por favor, protestam contra a DuLoren, que já fez campanhas publicitárias a favor do aborto!!! Contatos da DuLoren:-  


http://www.duloren.com.br/faleconosco/index.php

Tel.:-  (005121) 2663-9200

Também protestem contra Agnelo Pacheco Rio, Diretor-presidente da agência publicitária Criativa:-

http://www.agnelo.com.br/agnelo/content/contato/

 

Hoje venho agradecer a todos que enviaram e-mails protestando, porque a empresa retirou o anuncio:

obtivemos a decisão, o anúncio agressivo contra nós católicos, foi retirado das mídias sociais, isto mostra que nós não podemos nos calar diante das afrontas contra a nossa fé CATÓLICA.

  http://portalexame.abril.com.br/marketing/noticias/duloren-divulga-comunicado-anuncio-pedofilia-577335.html

A Duloren, junto à agência Agnelo Pacheco, divulgou comunicado para esclarecer que não teve intenção de ofender a Igreja Católica em sua nova campanha publicitária. A peça em questão trazia uma modelo de lingerie na praça de São Pedro, no Vaticano. A moça, em primeiro plano, mostrava um crucifixo para um homem de costas (que aparenta ser um padre, por conta da roupa e do ambiente), acompanhado da frase ‘Pedofilia. Não’.

No comunicado, a marca explica que não teve como objetivo ferir crenças religiosas ou fazer críticas a padres ou ao Vaticano. A Duloren também afirma que está retirando o anúncio das mídias sociais (Orkut, Facebook e Twitter) e vai suspender a veiculação nos mais de 20 mil pontos-de-venda do País.