SÃO FRANCISCO DE ASSIS 04 DE OUTUBRO

outubro 4, 2015

francisco29

São Francisco de Assis nasceu em Assis, Itália, em 1182. Era filho de Pedro Bernardone, um rico comerciante, e Pia, de família nobre da Provença. Na juventude, Francisco era muito rico e esbanjava dinheiro com ostentações. Porém, os negócios de seu pai não lhe despertaram interesse, muito menos os estudos. O que ele queria mesmo era se divertir. Porém, São Boaventura, seu contemporâneo, escreveu sobre ele: “Mas, com o auxílio divino, jamais se deixou levar pelo ardor das paixões que dominavam os jovens de sua companhia”.

Vida de São Francisco

Na juventude de Francisco, por volta de seus vinte anos, uma guerra começou entre as cidades italianas chamadas Perugia e Assis. Ele queria combater em Espoleto, entre Assis e Roma, mas caiu enfermo. Durante a doença, Francisco ouviu uma voz sobrenatural. Esta lhe pedia para ele “servir ao amor e ao Servo”. Pouco a pouco, com muita oração, Francisco sentiu em seu coração a necessidade de vender seus bens e “comprar a pérola preciosa” sobre a qual ele lera no Evangelho.

Certa vez, ao encontrar um leproso, apesar da repulsa natural, venceu sua vontade e beijou o doente. Foi um gesto movido pelo Espírito Santo. A partir desse momento, ele passou a fazer visitas e a servir aos doentes que sem encontravam nos hospitais. Aos pobres, presenteava com suas próprias roupas e também com o dinheiro que tivesse no momento.

O Chamado

Num dia simples, mas muito especial, num momento em que Francisco rezava sozinho na Igreja de São Damião, em Assis, ele sentiu que o crucifixo falava com ele, repetindo por três vezes a frase que ficou famosa: “Francisco, repara minha casa, pois olhas que está em ruínas”. O santo vendeu tudo o que tinha e levou o dinheiro ao padre da Igreja de São Damião, e pediu permissão para viver com ele. Francisco tinha vinte e cinco anos.

Pedro Bernardone, ao saber o que seu filho tinha feito, foi busca-lo indignado, levou-o para casa, bateu nele e acorrentou-o pelos pés. A mãe, porém, o libertou na ausência do marido, e o jovem retornou a São Damião. Seu pai foi de novo buscá-lo. Mandou que ele voltasse para casa ou que renunciasse à sua herança. Francisco então renunciou a toda a herança e disse: “As roupas que levo pertencem também a meu pai, tenho que devolvê-las”. Em seguida se desnudou e entregou suas roupas a seu pai, dizendo-lhe: “Até agora tu tem sido meu pai na terra, mas agora poderei dizer: ‘Pai nosso, que estais nos céus”.

Renúncia de São Francisco de Assis

Para reparar a Igreja de São Damião, Francisco pedia esmola em Assis. Terminado esse trabalho, começou reformar a Igreja de São Pedro. Depois, ele retirou-se para morar numa capela com o nome de Porciúncula. Ela fazia parte daabadia de Monte Subasio, cuidada pelos beneditinos. Ali o céu lhe mostrou o que realmente esperava dele.

O trecho do Evangelho da Missa daquele dia dizia: “Ide a pregar, dizendo: o Reino de Deus tinha chegado. Dai gratuitamente o que haveis recebido gratuitamente. Não possuas ouro, nem duas túnicas, nem sandálias…” A estas palavras, Francisco tirou suas sandálias, seu cinturão e ficou somente com a túnica.

Milagres de São Francisco de Assis

Deus lhe concedeu o dom da profecia e o dos milagres. Quando Francisco pedia esmolascom o fim de restaurar a Igreja de São Damião, ele dizia: “Um dia haverá ali um convento de religiosas, em cujo nome se glorificará o Senhor e a Igreja”. A profecia se confirmou cinco depois com Santa Clara e suas religiosas. Ao curar, com um beijo, o câncer que havia desfigurado o rosto de um homem, São Boaventura comentou para São Francisco de Assis: “Não se há que admirar mais o beijo do que o milagre?”

Fundação da Ordem dos Frades Menores (O.F.M.)

Francisco começou a anunciar a verdade, no ardor do Espírito de Cristo. Convidou outros a se associarem a ele na busca da perfeita santidade, insistindo para que levassem uma vida de penitência. Alguns começaram a praticar a penitência e em seguida se associaram a ele, partilhando a mesma vida. O humilde São Francisco de Assis decidiu que eles se chamariam Frades Menores.

Surgiram assim os primeiros 12 discípulos que, segundo registram alguns documentos, “foram homens de tão grande santidade que, desde os Apóstolos até hoje, não viu o mundo homens tão maravilhosos e santos”. O próprio Francisco disse em testamento: “Aqueles que vinham abraçar esta vida, distribuíam aos pobres tudo o que tinham. Contentavam-se só com uma túnica, uma corda e um par de calções, e não queriam mais nada”. Os novos apóstolos reuniram-se em torno da pequena igreja da Porciúncula, ou Santa Maria dos Anjos, que passou a ser o berço da Ordem.

A nova ordem religiosa de São Fracisco de Assis

Em 1210, quando o grupo contava com doze membros, São Francisco de Assis redigiu uma regra pequena e informal. Esta regra era, na sua maioria, os conselhos de Jesus para que possamos alcançar a perfeição. Com ela foram à Roma apresentá-la ao Sumo Pontífice. Lá, porém,relutavam em aprovar a nova comunidade. Eles achavam que o ideal de Francisco eramuito rígidoa respeito da pobreza. Por fim, porém, um cardeal afirmou: “Não podemos proibir que vivam como Cristo mandou no Evangelho”.

Receberam a aprovação e voltaram a Assis, vivendo na pobreza, em oração, em santa alegria e grande fraternidade, junto a Igreja da Porciúncula. Mais tarde, Inocêncio III mandou chamar São Francisco de Assis e aprovou a regra verbalmente. Logo em seguida o papa impôs a eles o corte dos cabelos, e lhes enviou em missão de pregarem a penitência.

São Francisco de Assis, um exemplo de vida

São Francisco de Assis manifestava seu amor a Deus por uma alegria imensa, que se expressava muitas vezes em cânticos ardorosos. A quem lhe perguntava qual a razão de tal alegria, respondia que “ela deriva da pureza do coração e da constância na oração”.

A santidade de São Francisco de Assis lhe angariou muitos discípulos e atraiu também uma jovem, filha do Conde de SassoRosso, Clara, de 17 anos. Desde o momento em que o ouviu pregar, compreendeu que a vida que ele indicava era a que Deus queria para ela. Francisco tornou-se seu guia e pai espiritual. Nascia assim a Ordem Segunda dos Franciscanos, a das Clarissas. Depois, Inês, irmã de Clara, a seguia no claustro; mais tarde uma terceira, Beatriz se juntou a elas.

Sabedoria divina

Certa vez, São Francisco de Assis, sentindo-se fortemente tentado pela impureza, deitou-se sem roupas sobre a neve. Outra vez, num momento de tentação ainda mais violenta, ele rolou sobre espinhos para não pecar e vencer suas inclinações carnais.

Sua humildade não consistia simplesmente no desprezo sentimental de si mesmo, mas na convicção de que “ante os olhos de Deus o homem vale pelo que é e não mais”. Considerando-se indigno do sacerdócio, São Francisco de Assis apenas chegou a receber o diaconato. Detestava de todo coração o exibicionismo.

Uma vez contaram-lhe que um dos irmãos amava tanto o silêncio que até quando ia se confessar, fazia-o por sinais. São Francisco respondeu desgostoso:”Isso não procede do Espírito de Deus, mas sim do demônio; é uma tentação e não um ato de virtude”. Francisco tinha o dom da sabedoria. Certa vez, um frade lhe pediu permissão para estudar. Francisco respondeu que, se o frade repetisse com amor e devoção a oração “Glória ao Pai”, se tornaria sábio aos olhos de Deus. Ele mesmo, Francisco, era um grande exemplo da sabedoria dessa maneira adquirida.

São Francisco de Assis e os animais

A proximidade de Francisco com a natureza sempre foi a faceta mais conhecida deste santo. Seu amor universalista abrangia toda a Criação, e simbolizava um retorno a um estado de inocência, como Adão e Eva no Jardim do Éden.

Os estigmas de São Franscisco de Assis

Dois anos antes de sua morte, tendo Francisco ido ao Monte Alverne em companhia de alguns de seus frades mais íntimos, pôs-se em oração fervorosa e foi objeto de uma graça insigne.

Na figura de um serafim de seis asas apareceu-lhe Nosso Senhor crucificado que, depois de entreter-se com ele em doce colóquio, partiu deixando-lhe impressos no corpo os sagrados estigmas da Paixão. Assim, esse discípulo de Cristo, que tanto desejara assemelhar-se a Ele, obteve mais este traço de similitude com o Divino Salvador.

Devoção a São Francisco de Assis

No verão de 1225, Francisco esteve tão enfermo, que o cardeal Ugolino e o irmão Elias o levaram ao médico do Papa, em Rieti. São Francisco de Assis perguntou a verdade e lhe dissessem que lhe restava apenas umas semanas de vida. “Bem vinda, irmã Morte!”, exclamou o santo.

Em seguida pediu para ser levado à Porciúncula. Morreu no dia três de outubro de 1226, com menos de 45 anos, depois de escutar a leitura da Paixão do Senhor. Ele queria ser sepultado no cemitério dos criminosos, mas seus irmãos o levaram em solene procissão à Igreja de São Jorge, em Assis.

Ali esteve depositado até dois anos depois da canonização. Em 1230, foi secretamente trasladado à grande basílica construída pelo irmão Elias. Ele foi canonizado apenas dois anos depois da morte, em 1228, pelo Papa Gregório IX. Sua festa é celebrada em 04 de outubro.

Oração a São Francisco de Assis
ASSIS TUMULO
Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.

Onde houver ódio, que eu leve o amor;

Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;

Onde houver discórdia, que eu leve a união;

Onde houver dúvida, que eu leve a fé;

Onde houver erro, que eu leve a verdade;

Onde houver desespero, que eu leve a esperança;

Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;

Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó Mestre, Fazei que eu procure mais

Consolar, que ser consolado;

compreender, que ser compreendido;

amar, que ser amado.

Pois, é dando que se recebe,

é perdoando que se é perdoado,

e é morrendo que se vive para a vida eterna.

As 15 Orações a Jesus (Santa Brígida)

maio 3, 2015

Jesus-Cristo-na-cruz

As 15 Orações a Jesus (Santa Brígida)

VEJA AS PROMESSAS DE JESUS Como já há muito tempo Santa Brígida desejasse saber o número de golpes que JESUS levara durante a Paixão, certo dia ELE lhe apareceu dizendo:”Recebi em todo o Meu Corpo 5.480 golpes. Se desejardes honrar as chagas que eles ME produziram, mediante uma veneração particular, deveis recitar 15 Pais-Nossos, e 15 Ave-Marias, acrescentando as seguintes orações, durante um ano inteiro; quando o ano terminar, tereis prestado homenagem a cada uma das Minhas Chagas. Quem recitar estas orações durante um ano inteiro conseguirá livrar do Purgatório 15 almas de sua família, 15 justos também de sua linhagem serão conservados em graça e 15 pecadores de sua família serão convertidos. A pessoa que as recitar será elevada ao mais eminente grau de perfeição e 15 dias antes da sua morte EU lhe darei meu Precioso Corpo, para que ela seja livre da fome eterna. EU lhe darei também de beber o Meu Precioso Sangue, afim de que não padeça sede eternamente e 15 dias antes da morte ela experimentará uma profunda contrição de todos os seus pecados e um perfeito conhecimento deles. Diante dela colocarei o sinal da Minha Cruz vitoriosa como socorro e defesa contra os embustes dos seus inimigos. Antes da sua morte, EU virei em companhia da Minha muito cara e bem amada Mãe, para receber a sua alma e conduzi-la às alegrias eternas. E tendo-a levado até lá, EU lhe darei a beber um trago singular da fonte da Minha Divindade, o que não farei, absolutamente, a outros que não tenham recitado as Minhas Orações. Aquele que disser estas Orações pode estar seguro de ser associado ao supremo coro dos Anjos e todo aquele que as ensinar a alguém, terá assegurado para sempre sua felicidade e seus méritos. Sim, eles serão estáveis e durarão perpetuamente. No lugar onde se encontrarem e onde forem recitadas essas Orações, DEUS estará também presente com as Suas Graças”. Todos esses privilégios foram prometidos a Santa Brígida por Nosso Senhor Crucificado com a condição de que as orações fossem recitadas diariamente. São, igualmente, prometidas a todos os que as recitarem, devotamente, durante um ano inteiro. PERGUNTA: É necessário recitá-las sem interrupção? RESPOSTA: Faltar o menos possível. Todavia devemos recuperá-las, se por força maior não as pudermos rezar em um dia. Devemos recitá-las 365 vezes dentro de um ano, com devoção, esforçando-nos para penetrar no sentido profundo das palavras que vamos pronunciando. OBS.: 1. É bom rezar sempre a intenção antes de cada oração; 2. Não precisa ler este cabeçalho com as promessas de JESUS todos os dias.

REZE ASSIM: Comece, SEMPRE, com o SINAL DA CRUZ! + + + FAÇA uma oração inicial ao ESPÍRITO SANTO! Depois diga:

1ª ORAÇÃO: Pelos Sacerdotes, freiras e religiosos militantes! Reze agora um Pai Nosso… E depois uma Ave Maria… (E a seguir…) Ó JESUS CRISTO, doçura eterna para aqueles que vos amam, alegria que ultrapassa toda a alegria e todo o desejo, esperança de salvação dos pecadores, que declarastes não terdes maior contentamento do que estar entre os homens, até o ponto de assumir a nossa natureza, na plenitude dos tempos, por amor deles. Lembrai-Vos dos sofrimentos, desde o primeiro instante da Vossa Conceição e sobretudo durante a Vossa Santa Paixão, assim como havia sido decretado e estabelecido desde toda a eternidade na mente divina. Lembrai-Vos Senhor, que, celebrando a Ceia com os Vossos discípulos, depois de lhes haverdes lavado os pés, deste-lhes o Vosso Sagrado Corpo e precioso Sangue e, consolando-os docemente lhes predissestes a Vossa Paixão iminente. Lembrai-Vos da tristeza e da amargura que experimentastes em Vossa Alma como o testemunhastes Vós mesmo por estas palavras: “a Minha Alma está triste até a morte”. Lembrai-Vos, Senhor, dos temores, angustias e dores que suportastes em Vosso Corpo delicado, antes do suplício da Cruz, quando, depois de ter rezado por três vezes, derramado um suor de Sangue, fostes traído por Judas Vosso discípulo, preso pela nação que escolhestes, acusado por testemunhas falsas, injustamente julgado por três juizes, na flor da Vossa juventude e no tempo solene da Páscoa. Lembrai-Vos que fostes despojado de Vossas vestes e revestido com as vestes da irrisão, que Vos velaram os olhos e a face, que Vos deram bofetadas, que Vos coroaram de espinhos, que Vos puseram uma cana na mão e que, atado a uma coluna, fostes despedaçado por golpes e acabrunhado de afrontas e ultrajes. Em memória destas penas e dores que suportastes antes da Vossa Paixão sobre a Cruz, concedei-me, antes da morte, uma verdadeira contrição, a oportunidade de me confessar com pureza de intenção e sinceridade absoluta, uma adequada satisfação e a remissão de todos os meus pecados. Assim seja!

2ª ORAÇÃO: Pelos trabalhadores em Geral Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, verdadeira liberdade dos Anjos, paraíso de delícias, lembrai-Vos do peso acabrunhador de tristezas que suportastes, quando Vossos inimigos, quais leões furiosos, Vos cercaram e, por meio de mil injúrias, escarros, bofetadas, arranhões e outros inauditos suplícios Vos atormentaram a porfia. Em consideração destes insultos e destes tormentos, eu Vos suplico, ó meu Salvador, que Vos digneis libertar-me dos meus inimigos, visíveis e invisíveis e fazer-me chegar, com o Vosso auxílio a perfeição da salvação eterna. Assim seja!

3ª ORAÇÃO: Pelos presos Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, Criador do Céu e da terra, a quem coisa alguma pode conter ou limitar, Vós que tudo abarcais e tendes tudo sob o Vosso poder, lembrai-Vos da dor, repleta de amargura, que experimentastes quando os soldados, pregando na Cruz Vossas Sagradas mãos e Vossos pés tão delicados, trespassaram-nos com grandes e rombudos cravos e não Vos encontrando no estado em que teriam desejado, para dar largas a sua cólera, dilataram as Vossas Chagas, exacerbando assim as Vossas dores. Depois, por uma crueldade inaudita, Vos estenderam sobre a Cruz e Vos viraram de todos os lados, deslocando, assim, os Vossos membros. Eu vos suplico, pela lembrança desta dor que suportastes na Cruz, com tanta santidade e mansidão, que Vos digneis conceder-me o Vosso Temor e o Vosso Amor. Assim seja!

4ª ORAÇÃO: Pelos doentes Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, médico celeste, que fostes elevado na Cruz afim de curar as nossas chagas por meio das Vossas, lembrai-Vos do abatimento em que Vos encontrastes e das contusões que Vos infligiram em Vossos Sagrados membros, dos quais nenhum permaneceu em seu lugar, de tal modo que dor alguma poderia ser comparada a Vossa. Da planta dos pés até o alto da cabeça, nenhuma parte do Vosso Corpo esteve isenta de tormentos e, entretanto, esquecido dos Vossos sofrimentos, não Vos cansastes de suplicar a Vosso PAI, pelos inimigos que Vos cercavam, dizendo-LHE: “PAI, perdoai-lhes porque não sabem o que fazem”. Por esta grande misericórdia e em memória desta dor, fazei com que a lembrança da Vossa Paixão, tão impregnada de amargura, opere em mim uma perfeita contrição e a remissão de todos os meus pecados. Assim seja!

5ª ORAÇÃO: Pelos funcionários dos hospitais Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, espelho do esplendor eterno. Lembrai-Vos da tristeza que sentistes, quando, contemplando a luz da Vossa Divindade a predestinação daqueles que deveriam ser salvos pelos méritos da Vossa santa paixão, contemplastes, ao mesmo tempo, a multidão dos réprobos, que deveriam ser condenados por causa dos seus pecados e lastimastes, amargamente, a sorte destes infelizes pecadores, perdidos e desesperados. Por este abismo de compaixão e de piedade e, principalmente, pela bondade que manifestastes ao bom ladrão dizendo-lhe: “Hoje mesmo estarás Comigo no Paraíso”, eu Vos suplico ó Doce Jesus, que na hora da minha morte useis de misericórdia para comigo. Assim seja!

6ª ORAÇÃO: Pelas famílias Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, Rei amável e de todo desejável, lembrai-vos da dor que experimentastes quando, nu e como um miserável, pregado e levantado na Cruz, fostes abandonado por todos os vossos parentes e amigos, com excepção de Vossa mãe bem amada, que permaneceu, em companhia de São João, muito fielmente junto de Vós na agonia, lembrai-Vos que os entregastes um ao outro dizendo: “Mulher eis ai o teu filho”! e a João: “Eis ai a tua Mãe!”Eu vos suplico, ó meu Salvador, pela espada de dor que então trespassou a alma de Vossa Santa Mãe, que tenhais compaixão de mim, em todas as minhas angustias e tribulações, tanto corporais como espirituais e que Vos digneis assistir-me nas provações que me sobrevierem, sobretudo na hora da minha morte. Assim seja!

7ª ORAÇÃO: Contra a luxúria Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, fonte inexaurível de piedade, que por uma profunda ternura de amor, dissestes sobre a Cruz: “Tenho sede!”, mas sede de salvação do género humano. Eu Vos suplico, ó meu Salvador, que Vos digneis estimular o desejo que meu coração experimenta de tender a perfeição em todas as minhas obras e extinguir, por completo, em mim, a concupiscência carnal e o ardor dos desejos mundanos. Assim seja!

8ª ORAÇÃO: Pelas crianças e jovens Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, doçura dos corações, suavidade dos espíritos, pelo amargo sabor do fel e do vinagre que provastes sobre a Cruz por amor de todos nós, concedei-me a graça de receber dignamente o Vosso Corpo e Vosso Preciosíssimo Sangue, durante toda a minha vida e, na hora da minha morte afim de que sirvam de remédio e de consolo para minha alma. Assim seja!

9ª ORAÇÃO: Pelos agonizantes espirituais Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, virtude real, alegria do espírito, lembrai-Vos da dor que suportastes, quando, mergulhado na amargura, ao sentir aproximar-se a morte, insultado e ultrajado pelos homens, julgastes haver sido abandonado por Vosso PAI dizendo: “Meu DEUS, Meu DEUS, porque Me abandonastes?” Por esta angustia eu Vos suplico ó meu Salvador, que não me abandoneis nas aflições e nas dores da morte. Assim seja!

10ª ORAÇÃO: Pelos sofredores em geral Pai Nosso… Ave Maria…Ó JESUS CRISTO, que sois em todas as coisas começo e fim, vida e virtude, lembrai-Vos de que por nós fostes mergulhado num abismo de dores, da planta dos pés até o alto da cabeça. Em consideração da extensão das Vossas Chagas, ensinai-me a guardar os Vossos Mandamentos, mediante uma sincera caridade, mandamentos estes que são caminhos espaçoso e agradável para aqueles que Vos amam. Assim seja!

11ª ORAÇÃO: Pelos pecadores de todo o mundo Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, profundíssimo abismo de misericórdia, suplico-Vos, em memória de Vossas Chagas, que penetraram até a medula dos vossos ossos e atingiram até as vossas entranhas, que vos digneis afastar esse(a) pobre pecador(a) do lodaçal de ofensas em que está submerso(a) conduzindo- o(a) para longe do pecado. Suplico-Vos também, esconder-me de Vossa Face irritada, ocultando-me dentro de Vossas Chagas, até que a Vossa cólera e a Vossa justa indignação tenham passado. Assim seja!

12ª ORAÇÃO: Por todas as Igrejas Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, espelho de verdade, sinal de unidade, laço de caridade, lembrai-Vos dos inumeráveis ferimentos que recebestes, desde a cabeça até os pés, ao ponto de ficardes dilacerado e coberto pela purpura do Vosso Sangue adorável. Ó quão grande e universal foi a dor que sofrestes em Vossa Carne virginal por nosso amor! Ó Dulcíssimo JESUS, que poderíeis fazer por nós que não o houvésseis feito? Eu vos suplico, ó meu Salvador, que vos digneis imprimir, com o Vosso Precioso Sangue, todas as Vossas chagas em meu coração, afim de que eu relembre, sem cessar, as Vossas Dores e o Vosso Amor. Que pela fiel lembrança da Vossa Paixão, o fruto dos Vossos Sofrimentos seja renovado em mim, cada dia mais, até que eu me encontre, finalmente, Convosco, que sois o tesouro de todos os bens e a fonte de todas as alegrias. Ó Dulcíssimo JESUS, concedei-me poder gozar de semelhante ventura na vida eterna. Assim seja!

13ª ORAÇÃO: Pelos profetas actuais Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, fortíssimo Leão, Rei imortal e invencível, lembrai-Vos da dor que vos acabrunhou quando sentistes esgotadas todas as vossas forças, tanto do Coração como do Corpo e inclinastes a cabeça dizendo: “Tudo está consumado!”Por esta angústia e por esta dor, eu Vos suplico, Senhor JESUS, que tenhais piedade de mim, quando soar a minha última hora e minha alma estiver amargurada e o meu espírito cheio de aflição. Assim seja!

14ª ORAÇÃO: Pelos políticos e pelos governantes Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, Filho Único do PAI, esplendor e imagem da sua substância, lembrai-Vos da humilde recomendação que LHE dirigistes dizendo: “Meu PAI, em Vossas Mãos entrego o Meu Espírito!” Depois expirastes, estando Vosso Corpo despedaçado, Vosso Coração trespassado e as entranhas da Vossa Misericórdia abertas para nos resgatar. Por esta preciosa morte eu Vos suplico, ó Rei dos Santos, que me deis força e me socorrais, para resistir ao demónio, a carne a ao sangue, afim de que, estando morto(a) para o mundo, eu possa viver somente para Vós. Na hora da morte, recebei, eu Vos peço, minha alma peregrina e exilada que retorna para Vós. Assim seja!

15ª ORAÇÃO: Pelo Papa Pai Nosso… Ave Maria… Ó JESUS CRISTO, vide verdadeira e fecunda, lembrai-Vos da abundante efusão de Sangue, que tão generosamente derramastes de Vosso Sagrado Corpo, assim como a uva é triturada no lagar. Do Vosso lado aberto pela lança de um dos soldados, jorraram Sangue e água, de tal modo que não retivestes uma gota sequer. E, enfim, como um ramalhete de mirra elevado na Cruz, Vossa Carne delicada se aniquilou, feneceu o humor de Vossas entranhas e secou a medula dos Vossos ossos. Por esta tão amarga Paixão e pela efusão de Vosso precioso Sangue, eu vos suplico, ó Bom JESUS, que recebais minha alma quando eu estiver na agonia. Assim seja!

ORAÇÃO FINAL: Ó doce JESUS, vulnerai o meu coração, afim de que lágrimas de arrependimento, de compunção e de amor, noite e dia me sirvam de alimento. Convertei-me inteiramente a Vós. Que o meu coração Vos sirva de perpétua habitação; Que a minha conduta vos seja agradável e que o fim da minha vida seja de tal modo edificante que eu possa ser admitido no Vosso Paraíso, onde, com os vossos Santos, hei de vos louvar para sempre. Assim seja!

CONSAGRAÇÃO DIÁRIA A NOSSA SENHORA: Ó Santa Mãe Dolorosa de DEUS, ó Virgem Dulcíssima, eu Vos ofereço o meu coração afim de que o conserveis intacto como o Vosso Coração Imaculado. Eu Vos ofereço a minha inteligência, para que ela conceba apenas pensamentos de paz e de bondade, de pureza e verdade. Eu Vos ofereço a minha vontade, para que ela se mantenha viva e generosa ao serviço de DEUS. Eu vos ofereço meu trabalho, minhas dores, meus sofrimentos, minhas angústias, minhas tribulações e minhas lágrimas, no meu presente e meu futuro, para serem apresentadas por Vós ao Vosso Divino FILHO, para purificação da minha vida. Mãe Compassiva, eu me refugio em Vosso Coração Imaculado, para acalmar as dolorosas palpitações de minhas tentações, da minha aridez, da minha indiferença e das minhas negligências. Escutai-me ó Mãe, guiai-me, sustentai-me e defendei-me, contra todos os perigos da alma e do corpo, agora e por toda a eternidade. Assim seja.

TERÇO NA PRAÇA EM SAQUAREMA

abril 3, 2015

Nossa Senhora em sonho, revelou ao meu amigo David Bravo a Sua Divina vontade.

REZE O TERÇO NA PRAÇA.

Assim começou uma linda historia de luta , perserverança e Fé.

Pode-se verificar as programações na pagina do facebook, bem como, os videos.

Para que não é de Saquarema, podera estar rezando

no mesmo horario ,em comunhão com todos na praça.

Graças abundantes virão ao nosso encontro.

https://www.facebook.com/pages/TER%C3%87O-NA-PRA%C3%87A-Saquarema-RJ/1565044500395715?fref=ts

SEMANA SANTA PENSAMENTO PAPA FRANCISCO

abril 3, 2015

Sharing with you these beautiful thoughts from our Pope Francis:

“At the heart of this celebration, which seems so festive, are the words we heard in the hymn of the Letter to the Philippians: “He humbled himself” Jesus’ humiliation……
This week, Holy Week, which leads to Easter, we will take this path of Jesus’ own humiliation. Only in this way will this week be holy for us too.
In this we are helped and comforted by the example of so many men and women who, in silence and hiddenness, sacrifice themselves daily to serve others: a sick relative, an elderly person living alone, a disable person, the homeless….
During this week, let us set about with determination along this same path of humility, with immense love for him, our Lord and Savior.
Love will guide us and give us strength.
For where He is, we too shall be.”

(Pope Francis preaches on the meaning of Palm Sunday and Holy Week at Mass in St. Peter’ Square)

TRADUÇÃO
Compartilhar com você estes lindos pensamentos de nosso Santo Padre Francisco:

“No coração desta festa, que parece tão festivo, são as palavras que ouvimos no hino da Carta aos Filipenses: “Ele se humilhou a si mesmo” Jesus” humilhação ……
Esta semana, a Semana Santa, o que leva à Páscoa, vamos tomar este caminho de Jesus’ própria humilhação. Somente por este caminho, será esta semana santa para todos nós.
A este propósito, são ajudados e confortados com o exemplo de tantos homens e mulheres que, no silêncio e no escondimento, sacrificar-se diariamente para servir aos outros: um familiar doente, um idoso que mora sozinho, a desactivar pessoa, os sem-teto ….
Durante esta semana, vamos definir com determinação por este mesmo caminho de humildade, com imenso amor por ele, o nosso Senhor e Salvador.
Amor irá guiar-nos e dar-nos força.
Para onde ele está, nós também devem ser.”

(Papa Bento XVI Francisco prega sobre o significado do Domingo de Ramos e Semana Santa na Santa Missa na Praça São Pedro)

NOSSA SENHORA AUXILIADORA

maio 24, 2014

Oração a Nossa Senhora Auxiliadora

NOSSA SENHORA  AUXILIADORA

Ó Santíssima e Imaculada Virgem Maria,
terníssima Mãe nossa e poderoso Auxílio dos Cristãos,
nós nos consagramos inteiramente
ao vosso doce amor e ao vosso santo serviço.
Consagramo-vos a mente com seus pensamentos,
o coração com seus afectos, o corpo com seus sentidos
e com todas as suas forças,
e prometemos querer sempre trabalhar
para a maior glória de Deus e a salvação das almas.
Vós, entretanto, ó Virgem incomparável,
que fostes sempre a Auxiliadora do povo cristão,
continuai, por piedade, a mostrar-vos tal,
especialmente nestes dias.
Humilhai os inimigos de nossa Santa Religião
e frustrai seus perversos intentos.
Iluminai e fortificai os Bispos e os Sacerdotes,
e conservai-os sempre unidos
e obedientes ao Papa, mestre infalível;
preservai da religião e do vício a incauta mocidade;
promovei as santas vocações
e aumentai o número dos ministros sagrados,
a fim de que, por meio deles,
se conserve o reino de Jesus Cristo entre nós
e se estenda até os últimos confins da terra.
Suplicamo-vos também, ó dulcíssima Mãe nossa,
lanceis continuamente vossos olhares piedosos
sobre a incauta mocidade rodeada de tantos perigos,
sobre os pobres pecadores e moribundos;
sede para todos, ó Maria, doce esperança,
Mãe de misericórdia e Porta do Céu.
Mas também por nós vos suplicamos, ó grande Mãe de Deus.
Ensinai-nos a copiar em nós vossas virtudes,
e de um modo especial vossa angélica modéstia,
a fim de que, por quanto for possível, com nossa presença,
com nossas palavras e com nosso exemplo,
representemos ao vivo no meio do mundo
a Jesus, vosso bendito Filho,
vos façamos conhecer e amar,
e possamos por este meio salvar muitas almas.
Fazei mais, ó Maria Auxiliadora,
que estejamos todos unidos
debaixo do vosso maternal manto.
Fazei que nas tentações
vos invoquemos logo com toda a confiança.
Fazei, enfim, que o pensamento
de que sois tão boa, tão amável e tão querida,
a lembrança do amor que tendes aos vossos devotos,
nos conforte de tal modo que, na vida e na morte,
saiamos vitoriosos contra os inimigos de nossa alma,
e possamos depois unir-nos convosco no Paraíso. Amen.

Maria, Auxílio dos Cristãos, rogai por nós.

Novena a Nossa Senhora Auxiliadora Leia o resto deste post »

Padre evangeliza em praça

março 12, 2014

http://youtu.be/xmhjUeoMvXc

Jesus Cristo está em todos os Livros da Bíblia
No Gênesis, Jesus é a Semente da Mulher
No Êxodo, Ele é o Cordeiro Pascal
No Levítico, Ele é o Sacerdote, o Altar, o Cordeiro do Sacrifício
Em Números, Ele é o Pilar de Nuvem durante o dia e o Pilar do Fogo à noite
No Deuteronômio, Jesus é o profeta, como Moisés
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora.

Em Josué, Jesus é o Capitão da Nossa Salvação
Em Juízes, Ele é o nosso Juiz e Legislador
Em Rute, Ele é nosso Parente Redentor
No primeiro e segundo Samuel, Ele é o profeta a nós confiado.
Em Reis e Crônicas, Ele é nosso Rei Prevalecente
Em Esdras, Ele é o reconstruir das muralhas destruídas da vida humana
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora.

Em Neemias, Jesus é nosso Restaurador
Em Tobias, Ele é o mensageiro da Nova Vida
Em Judite, Ele é a fraqueza Transformada em Vitória
Em Ester, Ele é o nosso Advogado
Em primeiro e segundo Macabeus, Ele é Líder que morre pela lei de Deus
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora.

Em Jó, Ele é o nosso Redentor Imortal
Nos Salmos, Ele é nosso Pastor
Em Provérbios, Ele é nossa Sabedoria
No Eclesiastes, ele é nossa Esperança e Ressurreição
No Cântico dos Cânticos, Ele é nosso amável noivo
Em Sabedoria, Ele é a Emanação do Pensamento de Deus
No Eclesiástico, Jesus é nossa segurança
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Isaías, Jesus é o servo sofredor
Em Jeremias, Ele é a Descendência Justa
Em Lamentações, Ele é nosso profeta que chora
Em Baruc, Ele é a Misericórdia do Eterno
Em Ezequiel, Ele é Aquele que tem o Direito de governar
Em Daniel, Jesus é o quarto homem na fornalha ardente
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Oséias, Jesus é o marido fiel para sempre casado com o (a) pecador (a)
Em Joel, Ele é Aquele que batiza com o Espírito Santo de Fogo
Em Amós, Ele é o restaurador da Justiça
Em Abdias, Ele é Poderoso para salvar
Em Jonas, Ele é nosso grande missionário estrangeiro
Em Miqueias, Ele é os pés Daquele que traz Boas Notícias
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Naum, Jesus é nossa fortaleza nas desgraças.
Em Habacuc, Ele é Deus, meu Salvador
Em Sofonias, Ele é o Rei de Israel
Em Ageu, Ele é o anel do sinete
Em Zacarias, Ele é nosso Humilde rei montado num potro
Em Malaquias, Jesus é o Filho Retidão
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Mateus, Jesus é Deus é Conosco
Em Marcos, Ele é o Filho de Deus
Em Lucas, Ele é o filho de Maria, sentindo o que você sente.
Em João, Ele é o Pão da Vida
Em Atos, Jesus é o Salvador do Mundo
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Romanos, Jesus é a Retidão de Deus
Em 1 Coríntios, Ele é a Ressurreição
Em 2 Coríntios, Ele é o Deus de todo o consolo
Em Gálatas, Ele é nossa liberdade, Ele lhe liberta
Em Efésios, Jesus é a cabeça da Igreja
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Filipenses, Jesus é sua Alegria
Em Colossenses, Ele é sua perfeição
Em Tessalonicenses 1 e 2, Ele é sua Esperança
Em 1 Timóteo, Ele é sua fé
Em 2 Timóteo, Jesus é sua Estabilidade
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em Tito, Jesus é a Verdade
Em Filêmon, Ele é seu benfeitor
Em Hebreus, Ele é sua perfeição
Em João, Ele é o Poder por trás de sua Fé
Em 1 Pedro, Ele é seu Exemplo
Em 2 Pedro, Jesus é sua pureza
Aproximem-se e ajoelhem-se diante Dele agora

Em 1 João, Jesus é sua Vida
Em 2 João, Ele é seu exemplo
Em 3 João, Ele é sua motivação
Em Judas, Ele é o fundamento de sua fé
No Apocalipse, Jesus é seu Rei Vindouro.

Ele é: o Primeiro e o Último. O Principio e o Fim
Ele é o Guarda da Criação e o Criador de Tudo
Ele é o Arquiteto do Universo e o Administrador de Todas as Épocas
Ele sempre foi, Ele sempre É, e Ele sempre será impassível, inalterado, invicto e jamais arruinado
Ele foi ferido e nos trouxe a cura
Ele foi trespassado e aliviou a dor
Ele foi perseguido e nos trouxe a liberdade
Ele morreu e nos trouxe a vida
Ele ressuscitou e nos traz poder. Ele reina e nos traz paz

O mundo não pode compreendê-Lo
Os exércitos não pode derrotá-Lo
As escolas não podem explicá-Lo e os líderes não podem ignorá-Lo
Herodes não pôde matá-Lo
Os fariseus não podiam enganá-Lo
As pessoas não podiam detê-Lo
Nero não pôde esmagá-Lo
Hitler não pôde silenciá-Lo
A Nova Era não pode substitui-Lo
E Oprah não pode dar satisfação Dele

Ele é Vida, Amor, Longevidade e Senhor
Ele é Bondade. Benevolência, Suavidade e Deus
Ele é Santo, Justo, Imenso, Poderoso e Puro
Seus Caminhos são Corretos; Suas Palavras, eternas; suas Leis, imutáveis e sua mente está em mim.
Ele é meu Deus, Ele é meu sacerdote
Ele é minha alegria, Ele é meu conforto, Ele é Meu Senhor, e Ele governa minha vida

A MAIOR CAUSA DE MORTE NO MUNDO A B O R T O

setembro 9, 2013

SANTIAGO, 04 Set. 13 / 01:59 pm (ACI/EWTN Noticias).-  Ao oferecer a conferência “A Pobreza do Aborto” no Chile, o doutor em Filosofia e acadêmico da Faculdade de Comunicações da Universidade de Navarra, Alejandro Navas, denunciou que “o aborto é hoje a primeira causa de morte no mundo”.

O evento se celebrou em 22 de agosto no auditório da Galeria de Patricia Ready em Santiago do Chile e foi organizado pela instituição Foro Republicano.

Entre os participantes, estiveram diversas personalidades e acadêmicos.

 

Em sua conferência, Navas desenvolveu o conceito do aborto como a principal manifestação de pobreza da sociedade atual, principalmente na realidade europeia.

“A pobreza é carência, privação, escassez do desejado, necessário e imprescindível. Do que o aborto nos priva? Em primeiro lugar nos priva da vida humana. O aborto é hoje a primeira causa de morte no mundo. É por isso que hoje se fala do chamado inverno demográfico na Europa”, afirmou.

“Além disso, o aborto empobrece o estado de direito, quer dizer, da segurança e da paz, que o Estado se compromete a resguardar. O aborto equivale ao falecimento do estado de direito, já que impõe a violência e o homicídio, determinando que a criança no ventre, o ser mais débil da sociedade, seja eliminada”, assegurou Navas.

O acadêmico, autor do livro “O aborto nos meios de comunicação”, explicou que os atuais grupos abortistas procuram fazer uma reengenharia da sociedade; tanto no âmbito antropológico e jurídico, como no biológico, onde se utilizam jogos verbais ou eufemismos. “O aborto não passa sem sequelas, deixa indeléveis feridas na sociedade”, comentou.

Finalmente, assinalou que não basta somente procurar evitar o aborto, mas como sociedade, temos a tarefa de prestar ajuda e segurança aos pais que respeitaram o direito à vida de seus filhos e que hoje em dia se veem angustiados pela falta de recursos materiais, mas, sobretudo, de recursos espirituais.

“Não é conveniente ter uma postura simplesmente reativa ante o tema; é importante ajudar às mulheres, e pessoas que optaram pela vida para logo comunicar essas histórias e testemunhos de vida. Isto é muito mais eficaz para mudar o clima de opinião sobre o aborto na sociedade”, concluiu.

 

FONTE : http://www.acidigital.com/noticia.php?id=25983

Eduardo Verastegui

agosto 28, 2013

Estou encantada com o trabalho de Eduardo Verastegui contra o aborto.

Os endereços de Eduardo : Seu site, Seu Facebook e o site do Manto de Guadalupe.


http://www.eduardoverastegui.com.ar/ingles/home/home.htm
https://www.facebook.com/media/set/?set=vb.225805635710&type=2

http://www.mantodeguadalupe.com/ingles/index.php

AS SANTAS CHAGAS DE JESUS CRISTO

junho 4, 2013

CHAGAS DE CRISTO

SANTAS CHAGAS DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO
Uma vez quando a Ir. Maria se encontrava prostrada aos pés do SANTISSIMO SACRAMENTO Nosso Senhor, abrindo o Seu sagrado coração como a fonte de todas as outras chagas, volta a insistir a Ir. Maria:

Escolhi a minha fiel serva Margarida Maria para dar a conhecer o meu Divino Coração, e a minha pequena Maria Marta para introduzir a devoção às minhas CHAGAS.

AS MINHAS CHAGAS SALVAR-VOS -ÃO INFALIVALEMNTE; ELAS SALVARÃO O MUNDO.

Nunca deveis ter medo de exagerar na devoção das Minhas Chagas, porque nunca
sereis confundido, ainda que as coisas pareçam impossíveis.Concederei tudo o que me pedirem pela invocação ás SANTAS CHAGAS.

É PRECISO DIVULGAR ESSA DEVOÇÃO
(JESUS à Ir.Maria marta de Chambon)
As Santas Chagas e a Igreja+

Nosso Senhor renovou muitas vezes à Irmã Maria Marta a promessa do triunfo da Santa Igreja pelo poder das Suas Chagas e da Virgem Imaculada:
“Minha filha, deves cumprir bem a tua tarefa, que é a de oferecer as minhas divinas Chagas ao meu Eterno PAI, porque daí provirá o triunfo da Igreja, que virá através de minha Mãe Imaculada.
As invocações às santas Chagas obter-lhes-ão uma vitória incessante…
Deveis ir beber, sem cessar, a estas fontes para o triunfo da minha igreja.”

As Santas Chagas a as Almas do Purgatório
“O beneficio das santas Chagas faz descer as graças do Céu e faz subir a ele as Almas do Purgatório.
Todas as vezes que olhardes para o divino Crucificado com um coração puro. Obtereis a libertação de cinco Almas do Purgatório: uma por cada fonte. Obtereis também, ao fazer a Via Sacra, se o vosso coração estiver bastante puro e desapegado, o mesmo favor em cada estação, pelo mérito de cada uma das minhas Chagas.
Quando ofereceis as minhas Chagar pelos pecadores, não vos deveis esquecer de o fazer pelas Almas do Purgatório, porque há poucas pessoas que pensam no seu alivio. As santas Chagas são o tesouro dos tesouros para as Almas do Purgatório.”

Santas Chagas e o Céu
Para coroar as Suas magníficas promessas Nosso Senhor mostrou por fim nas Suas Chagas, as arras da nossa futura glória e fez entrever à Ir Maria Marta a felicidade q se sente no Céu ao contemplá-las.As Almas q rezam com humildade q meditam na minha Paixão terão um dia uma participação na glória das minhas divinas Chagas. Seus membros receberão delas uma beleza e uma gloria resplandecentes.
Quanto mais tiverdes contemplado as minhas Chagas dolorosas na Terra,mais os contemplareis gloriosas no Céu.
Uma Alma que durante a vida honrou as Chagas de Nosso Senhor JESUS CRISTO e as ofereceu ao PAI Eterno pelas Almas do Purgatório, na hora da morte será acompanhada pela Virgem e Anjos e Nosso Senhor Crucificado todo resplandecente de glória recebê-la-á e coroa-la-á.

A COROA DE ESPINHOS
As almas que tiverem contemplado a minha coroa de espinhos nesta vida terrena,serão no céu, minha coroa de gloria.
Por um instante que contemplardes esta coroa na terra, dar-vos ei uma na eternidade.
É a coroa de espinhos que vos obterá a gloria.
Uma só alma que faz as suas ações em união com os méritos da Minha Santa Coroa ganha mais que uma comunidade inteira.
Felicidade dos justos é a Santa Coroa, porem para os maus é um objeto de terror.

O DOCE SALVADOR DIZIA À SUA PEQUENA SERVA MARIA CHAMBON

UMA COISA ME CAUSA DESGOSTO, É QUE HAJA ALMAS QUE CONSIDEREM A DEVOÇÃO ÀS MINHAS CHAGAS, COMO ALGO ESTRANHO, DESPREZÍVEL E QUE NÃO CONVÉM. É POR ISSO QUE ELA CAI E QUE A ESQUECEM.

POUCAS PESSOAS SE DEDICAM A MEDITAR A PAIXÃO DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, QUE S.FRANCISCO DE SALES CHAMA:

A VERDADEIRA ESCOLA DO AMOR, O MAIS DOCE E MAIS INTENSO MOTIVO DE PIEDADE.

*O SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS
A FONTE ONDE TODOS DEVEIS BEBER! VEM À CHAGA DO MEU DIVINO LADO É A CHAGA DO MEU AMOR DONDE SAEM CHAMAS BEM VIVAS.
VEM AO MEU CORAÇÃO E DEIXARÁS DE TER MESMO. COLOCA AQUI OS TEUS LÁBIOS, PARA BEBER A CARIDADE DE DERRAMÁ -LA NO MUNDO.
PÕE AQUI A TUA MÃO PARA VIREIS BUSCAR OS MEUS TESOUROSESTREITA -TE AO MEU CORAÇÃO E DESCOBRIRÁS NELE TODA A BONDADE DE QUE ELE ESTA CHEIO.
É PRECISO QUE PELA HUMILDADE E ANIQUILAMENTO OS VOSSOS CORAÇÕES SE UNAM AO MEU.

*A CADA PALAVRA DO ROSÁRIO DA MISERICORDIA( SANTAS CHAGAS), EU DEIXO CAIR UMA GOTA DO MEU SANGUE SOBRE A ALMA DUM PECADOR.
SE, COM TODAS AS RIQUEZAS DE QUE ESTÃO REPLETAS AS MINHAS CHAGAS, NÃO APROVEITARDES, SEREIS BEM CULPADAS.
AS ALMAS QUE NÃO VENERAM AS MINHAS SANTAS CHAGAS, PELO CONTRARIO, AS RIDICULARIZAM, ESSAS ALMAS EU REJEITO-AS.
OS PECADORES DESPREZAM O CRUCIFIXO; EU TENHO PACIÊNCIA MAIS UM DIA E ME VINGAREI.
É PRECISO DIVULGAR ESSA DEVOÇÃO
*Mortes suavíssimas, almas ditosas, que deixam a prisão do corpo em eflúvios de paz e consolação, lembram-nos estas doces palavras:
NÃO HAVERÁ MORTE PARA A ALMA QUE EXPIRAR EM MINHAS CHAGAS; ELAS DÃO A VERDADEIRA VIDA.
Enfim prodígios sem conta, que em todo mundo se multiplicam de modo maravilhoso, atestam as palavras de JESUS:
A DEVOÇÃO AS MINHAS CHAGAS É O REMÉDIO PARA ESSE TEMPO DE INIQUIDADE BENDITO SEJA DEUS!!!

*TODOS OS DIAS DA SEMANA, ENTRE E PERMANEÇA POR AMOR, EM UMA DAS CHAGAS DO SALVADOR. (S.FRANCISCO DE SALES)

TERÇO DAS SANTAS CHAGAS

Inicio

Ó Jesus, Divino Redentor, sede misericordioso para conosco e para com o mundo inteiro. Amém.

Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro. Amém.

Graça e misericórdia, meu Jesus, durante os perigos presentes. Cobri-nos com o Vosso Sangue Precioso. Amém.

Pai Eterno, misericórdia, pelo Sangue de Jesus Cristo, Vosso Único Filho: Tende misericórdia de nós, nós Vo-lo suplicamos. Amém!

NO PAI NOSSO
Pai Eterno, eu Vos ofereço as Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo, para curar as Chagas das nossas almas.

10 x
Meu Jesus, perdão e misericórdia pelos méritos das Vossas Santas Chagas!

Fim

3 X
Pai Eterno, eu Vos ofereço as Chagas de N. S. J. Cristo, para curar as chagas das nossas almas

ORAÇÃO A SANTA CRUZ DE JESUS

junho 4, 2013

Jesus-Cristo-na-cruz

Oração à Santa Cruz
Deus todo poderoso, que sofreste a morte sobre a Sagrada Cruz, por todos os nossos pecados,
sede comigo Santa Cruz de Jesus Cristo,
Compadecei-vos de nós, Santa Cruz de Jesus Cristo,
Sede a minha esperança, Santa Cruz de Jesus Cristo,
Afastai de mim toda arma cortante,
Santa Cruz de Jesus Cristo, Derramai em todo bem,
Santa Cruz de Jesus Cristo, Desviai de mim todo mal, Santa Cruz de Jesus Cristo,
Fazei que eu siga o caminho da salvação,
Santa Cruz de Jesus Cristo Livra-me dos acidentes corporais,
Santa Cruz de Jesus Cristo, vos adoro para sempre, Santa Cruz de Jesus Cristo,
Fazei que o meu espírito maligno infalível se afaste de mim.
Conduzi-me Jesus à vida eterna.
Por todos os séculos.
Amém.

OBS: Esta oração foi encontrada em 1535 sobre o túmulo de Jesus Cristo e enviada pelo Papa PIO III ao Imperador Carlos V. Quando partia parra combater os turcos.
“Aquele que ler esta oração que ouvir, ou trouxer consigo, não morrerá subitamente não se afogará, não se queimará, nem alguém poderá matá-lo, não será vencido em batalha e nem cairá nas mãos de inimigos. Quando uma pessoa esta para dar a luz, se ouvir essa oração, ou trouxer consigo fica prontamente livre a se tornar mão. Quando criança estiver crescida, colocando-se esta oração ao seu lado livrar-se muitos acidentes”.